Relação de Cálcio e a Vitamina Dcom a Densidade Mineral Óssea Blog de Fitness, Nutrição, Saúde e Desporto | Blog HSN
Home / Nutrição / Minerais / Cálcio, Vitamina D e Densidade Mineral Óssea
Cálcio, Vitamina D e Densidade Mineral Óssea

Cálcio, Vitamina D e Densidade Mineral Óssea

El elemento fundamental para la asimilación en el cuerpo humano del Calcio es la Vitamina D, lo que produce una densidad mineral ósea apta, alejando posibles problemas ante el déficit de este mineral, el más elevado en nuestro organismo. 

Densidade Mineral Óssea e Osteoporose

O tecido óssea do corpo está composto de material heterogéneo, Hidroxiapatita (formado por fosfato de calcio cristalino), uma capa orgânica (∼90% colágeno tipo I, ∼5% proteínas não colágenas (NCPs), ∼2% lípidos) e água; tal e como explica Boskey, 2013.

A densidade mineral óssea é a quantidade de mineral que há num determinado volumem ósseo,esta joga um papel chave na sua saúde e a resistência do tecido.

ossos

A idade produz que a densidade mineral óssea diminua, uma condição chamada osteopenia, uma remodelação óssea negativa pode degenerar numa condição denominada osteoporose, onde a densidade óssea diminui e o tecido fica frágil e susceptível a sofrer fracturas

O Cálcio e o seu papel

O cálcio é um macroelemento encontrado principalmente (~99%) no tecido ósseo dentro do corpo, ele realiza funções de mensagens intracelulares, controle hormonal e funções estruturais no osso.

As medidas no equilíbrio do cálcio (ou “retenção de cálcio”) podem reflectir condições de criação, manutenção ou perda óssea (Ross et al., 2011).

O parágrafo anterior tenta mostrar a importância do consumo de cálcio na densidade mineral óssea, um consumo que gera um equilíbrio positivo (retenção de cálcio) está relacionado com a manutenção (ou mesmo um aumento) da densidade mineral óssea, uma condição que já explicamos porque desempenha um papel muito importante na saúde óssea.

Descobre todos os Benefícios do Cálcio no organismo e nos ossos. Clique aqui e Cálcio - Descobre que Benefícios Aporta ao seu organismo

Fontes

As fontes de cálcio são principalmente leite e derivados lácteos, frutos secos, peixes com raspas e certas verduras como o brócolos, couve, berça… em menor grau.

fontes de calcio

Quantidade Diária Recomendada

As recomendações de consumo são de 900mg. por dia em homens a partir dos 18 anos e 1.000mg diários em crianças e adolescentes <18 anos, mulheres e homens > 60 anos.

A Vitamina D e o seu Papel

A vitamina D é uma vitamina lipossolúvel, do qual a população europeia mais carente generalizada e a qual cumpre um papel fundamentar sobre o metabolismo do cálcio. Favorecendo a manutenção do nível circulante no organismo. Também a vitamina D é vital no rendimento desportivo

Fontes

A vitamina D se encontra preformada na pele como 7-dehidrocolesterol e mediante a radiação UV do sol a transformamos em colecalciferol (Vitamina D3). Também podemos encontrar Vitamina D nos azeites de fígado de peixe e peixes gordos, lácteos inteiros, gema de ovo e alimentos.

fontes e vitamina d

Usualmente não consumimos estas fontes de quantidades adequada, dai que cobre especial importância da suplementação com vitamina D3 em pessoas com carência desta vitamina

Défice de Vitamina D

A tabela, extraída do artigo de Bischoff-Ferraris, mostra como maiores níveis de administração de Vitamina D e maiores concentrações séricas em plasma (eixo X) se associam como um risco menor (eixo Y) de fracturas não vertebrais

Estes mesmos autores concluíram:

A prevenção de fracturas não vertebrais com vitamina D em dose-dependente, e que uma dose mais alta deveria reduzir as fracturas pelo menos um 20% em pessoas >65 anos.

Quantidade Diária Recomendada

As recomendações de consumo de vitamina D são de 5 microgramas diárias e 30 minutos de exposição solar, se não pudesse conseguir esta exposição deveríamos aumentar levemente a quantidade de vitamina D ingerida.

A Sinergia Cálcio-Vitamina D

O cálcio e a vitamina D têm uma ação sinérgica, o cálcio cumpre funções estruturais no tecido ósseo e avitamina D contribui a um melhor metabolismo do cálcio aumentando a reabsorção renal.

É imperativo para o cuidado da saúde considerar um armazenamento adequado de cálcio e vitamina D, o qual deve ser apresentado para conseguir tratamento farmacológicos efectivos contra a osteoporose (Sunyecz, 2008).

Como Reduzir a Osteopenia?

Alimentação

Estratégias alimentares inteligente para manter e melhorar a saúde óssea e a sua densidade mineral seriam assegurar o consumo de cálcio e vitamina D, de preferência com alimentos ricos em ambos elementos como por exemplo os lácteos inteiros, que em conjunção com os aminoácidos melhora a absorção do cálcio.

fontes de calcio e vitamina d

Suplementação

suplementação com vitamina D3 é quase uma obrigação na maioria da população europeia, daí a que muitos médicos recomendam o seu consumo generalizado, para ter certeza, deveriamos ter uma analítica dos níveis plasmáticos de 25-OH-Colecalciferol.

O cálcio pode ser consumido em suplementação, cobrando especial importância em atletas de desportos sem impacto, atletas femininas de fundo que apresentem amenorreia hipoestrogénica…e repartido em várias doses para melhorar a sua absorção. Devemos prestar atenção ao consumo de fósforo um grande consumo deste mineral aumenta a reabsorção e favorece a desmineralização.

Treino

O cálcio consumido deve-se fixar ao osso para melhorar a sua microestructura, isto se consegue mediante a realização de exercícios que estimule este processo, com exercícios com impacto osteoarticular C (como correr), ou com fortes tracções (como o treino de força).

osteoporose

O treino de força em pessoas de idade avançada é primordial para a manutenção óssea

Fontes

  1. Bischoff-Ferrari HA, Willett WC, Wong JB, Stuck AE, Staehelin HB, Orav EJ, Thoma A, Kiel DP, Henschkowski J. Prevention of Nonvertebral Fractures With Oral Vitamin D and Dose DependencyA Meta-analysis of Randomized Controlled Trials. Arch Intern Med. 2009;169(6):551–561. doi:10.1001/archinternmed.2008.600
  2. Boskey, A. L. (2013). Bone composition: relationship to bone fragility and antiosteoporotic drug effects. BoneKEy Reports, 2, 447. http://doi.org/10.1038/bonekey.2013.181
  3. Institute of Medicine (US) Committee to Review Dietary Reference Intakes for Vitamin D and Calcium; Ross AC, Taylor CL, Yaktine AL, et al., editors. Washington (DC): National Academies Press (US); 2011
  4. Sunyecz, J. A. (2008). The use of calcium and vitamin D in the management of osteoporosis. Therapeutics and Clinical Risk Management, 4(4), 827–836.
  5. Thacher, T. D., & Clarke, B. L. (2011). Vitamin D Insufficiency. Mayo Clinic Proceedings, 86(1), 50–60. http://doi.org/10.4065/mcp.2010.0567

Artigos Relacionados

Apreciação Cálcio, Vitamina D e Densidade Mineral Óssea

Papel do cálcio - 99%

Papel da Vitamina D - 100%

Redução de Osteoporose - 100%

Efetividade - 100%

100%

HSN Evaluação: 5 /5
Confira também
abacate rico em bor
Boro – Benefícios, Propriedades, Quando tomar…

O Boro foi esquecido durante anos dentro da saúde humana, ainda que de uns tempos …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Gostas do nosso HSNBlog?
HSN Newsletter
Então imagina as promoções da nossa loja.

Deixa-nos os teu e-mail e terás acesso às melhores promoções temos para os nossos clientes


aceito a política de privacidade