Taurina: descobre tudo sobre este aminoácido essencial
Home / Nutrição / Aminoácidos / Taurina: o aminoácido essencial
Taurina: o aminoácido essencial

Taurina: o aminoácido essencial

Depois da glutamina, a taurina é o aminoácido em forma livre mais abundante do tecido muscular. Além disso é considerado um aminoácido essencial condicionado ou convertível em essencial, imprescindível e fundamental em algumas etapas da vida, como o período de crescimento, gravidez ou treinos intensos.

O que é a taurina?

A taurina é um aminoácido considerado não essencial já que se sintetiza de forma natural no organismo, embora também o que obtemos através da dieta (proteína animal). Se diferencia de outros aminoácidos  que não se incorpora as proteínas, existe como um aminoácido livre na maioria dos tecidos animais.

Muitas pessoas tomam, de forma habitual, suplementos até o extremo de que os investigadores que usam o nome da molécula milagre. Isto se deve aos múltiplos benefícios que tem sobre a saúde, como a melhora do rendimento físico na prática dos desportos e diminui o risco de contrair doenças.

Onde encontra-se a taurina?

A taurina encontra-se sobre tudo nos órgãos do corpo onde há uma alta atividade eléctrica, como por exemplo nos olhos, o cérebro, os músculos, o coração, as plaquetas e o sistema nervoso. 

Como se produz a taurina?

  • Natural: nosso organismo a sintetiza no pâncreas, em um processo de biosíntese a partir da oxidação do aminoácido cisteína.
  • De maneira sintética: devido a alta demanda comercial.

As pessoas que sofrem alguma doenças ou tem determinadas patologias, como problemas cardíacos ou diabetes, também podem obter muitos benefícios tomando suplementos de taurina.

Há muita gente que desconhece o origem da taurina e o atribui a urina ou ao esperma do touro. Mais isto é totalmente falso, seu nome procede da palavra latina taurus, cujo significado é boi ou touro, onde procede essa confusão.

taurina corpo

Devido as suas propriedades, pode considerar como um nutriente multifuncional

Para que serve a Taurina?

TAURINA

Taurina para que serve:

  • Mantém o equilibro dos fluidos e o equilibro electrolítico das células.
  • Intervém na formação das sais biliares, que tem um papel importante na digestão.
  • Regula a função dos minerais nas células, como o cálcio.
  • Ajuda no funcionamento geral do sistema nervoso central e dos olhos.
  • Regula o sistema imune e a função antioxidante.

Sendo um aminoácido semi-essencial, uma pessoa saudável produz  a quantidade mínima requerida para que o organismo possa realizar diariamente estas funcões essenciais.

Em certas circunstâncias podem ser necessárias quantidades mais elevadas da taurina, o que faz que esta substância seja essencial para algumas pessoas. Neste caso se inclui pessoas com insuficiência cardíaca ou renal, assim como bebés prematuros que recebem alimentação por via intravenosa durante um tempo prolongado.

Produz uma deficiência durante o desenvolvimento pode produzir sintomas graves, como uma alteração da função cerebral e um deficiente controlo glicémico.

Dose de Taurina

As pessoas que consomem alimentos de origem animal podem ter uma toma diária de entre 9 e 400 miligramas de taurina.

Os ovo-lacto-vegetarianos obtém, aproximadamente, 17 miligramas de taurina. Mais as pessoas que tem uma dieta vegana não obtém nenhuma quantidade de taurina através dos alimentos.

Embora a taurina encontra-se em quantidades inferiores em alguns alimentos vegetarianos, é pouco provável que proporcionem os níveis adequados que o organismo precisa deste aminoácido.

Qual é a melhor fonte de taurina?

Ao saber que este aminoácido tem um rol tão importante para a saúde acharam necessário  enriquecer com taurina as fórmulas infantis ao começar a lactação, devido a que o leite de vaca contém menores concentrações de taurina que o leite materno.

Uma das melhores fontes de taurina é o leite materno nos primeiros meses de vida, devido a alta concentração da mesma.

taurina leite materno

O leite materno contém altas concentrações de taurina, e de outros nutrientes essenciais, pelo que é muito importante alimentar ao recém nascido, na medida do possível.

Os adultos saudáveis podem sintetizar a taurina a partir dos aminoácidos que contém enxofre, como a cisteína e a metionina. Faz com que taurina seja um nutriente semi-essencial. Embora, os recém nascidos e as pessoas que sofrem determinadas doenças podem necessitar suplementos dietéticos de taurina para obter a quantidade que o corpo precisa.

Alimentos que contém taurina

  • Ovos e lacticínios, como o queijo, leite, e/o iogurte. Costumam aportar de 2 a 8 mg por cada 100 ml.
  • Carne e aves de granja, como o peru, frango, e/ou vaca. Aportam 11 a 306 mg por cada 100 g.
  • Peixe e marisco, como a sarda, salmão, ou as almêijoa, e/ou carangueijo. De 11 a 827 mg por cada 100 g.
  • Leite materno e/ou leite de fórmula infantil, de 4 a 7 mg por cada 100 ml.

Com uma dieta equilibrada, uma pessoa normal pode obter a quantidade requerida.

Fontes veganas da Taurina

As pessoas veganas devem introduzir alimentos que permitem obter proteínas completas e evitar aminoácidos limitantes, para garantir que o organismo pode sintetizar a taurina a partir de certos nutrientes.

Entre as fontes: soja, quinoa, legumes, cãnhamo, trigo sarraceno ou amaranto.

fontes taurina

A taurina  encontra-se especialmente na carne e no marisco. Neste sentido, as pessoas veganas e/ou vegetarianas devem cuidar este factor.

Causas do deficit na produção da taurina

  • Deficiência dos aminoácidos: cisteína e metionina; vitaminas: A e B6; mineral: zinco
  • Deficiência de enzimas necessárias, como descarboxilasa cisteinsulfínico
  • Degradação dos níveis de taurina no organismo, devido a infeção por cándida e/ou batérias anaerobias; alimentos que foram complementados com glutamato sódico

Sintomas do deficit em taurina

  • Sistema nervoso: problemas neuromusculares
  • Cardiovascular: cardiomiopatía
  • Ocular: degeneração macular e transtornos da retina
  • Digestivo: transtornos na digestão das gorduras e cálculos biliares

degeneração ocular

La degeneração macular é um transtorno que afecta o nosso campo de visão

Taurina propriedades

As principais propriedades da l-taurina são:

Favorece a absorção de micronutrientes

taurina ajuda na absorção das gorduras e as vitaminas liposolubles, já que é um componente dos ácidos biliares. Além disso, encontra-se em grandes quantidades de plaquetas, o sistema nervoso central no desenvolvimento e o músculo cardíaco.

Hidratação celular

Este aminoácido comporta de maneira similar a creatina, aumentando o tamanho das células musculares para que retenham mais água e expandem o seu volumem. Também ajuda a aumentar músculo ao incrementar a síntese proteica e favorecendo a hipertrofia.

estrutura molecular taurina

A pesar que na literatura médica e científica, considera um aminoácido, técnicamente não é, já que não possui o grupo carboxilo, tal como os próprios aminoácidos.

Apoio cognitivo

Ao mesmo tempo que relacionamos a taurina com um maior estado de concentração e melhoras no nível intelectual e físico, devido a sua ação no sistema neuromuscular. Ajuda a reduzir a glicose no sangue, regula a pressão arterial, melhora a resistência e permite uma rápida recuperação muscular.

Estimular o sistema imune

A taurina possui propriedades imunomoduladoras ou também conhecidas como imunosupresoras, o que permite fomentar a ação do sistema imunológico, na creação de anti-corpos e combater qualquer tipo de ameaça bacteriana.

Taurina benefícios

Entre os principais benefícios da taurina podemos citar:

Para a função cardiovascular

A taurina é o aminoácido mais importante e abundante no coração, onde uma das suas principais funções é o apoio a saúde cardiovascular, melhorando o fluxo sanguíneo e o subministro de oxigénio as células do coração. Aumenta a efetividade das contrações do músculo cardíaco e normaliza as irregularidades do ritmo cardíaco.

taurina saúde cardiovascular

Cada vez são mais los estudos sobre a taurina e a proteção frente o possível risco de ataque ao coração.

Os estudos revelaram que a taurina, em um uso de curto prazo, tem a capacidade de melhorar as funções corporais, reduzindo os riscos cardiovasculares que podem ocorrer depois do exercício e melhorar os problemas relacionados com a insuficiência cardíaca. Embora exista estudos extras, em principio isto é prometedor para as pessoas que padecem de uma doença cardíaca.

A taurina ajuda a baixar a pressão arterial alta ao reduzir a resistência ao fluxo sanguíneo das paredes dos vasos sanguíneos. Também reduz os impulsos nervosos no cérebro, que são os  que aumentam a pressão sanguínea.

Estudo

Num estudo comprovou-se que a suplementação com taurina durante duas semanas reduz a rigidez arterial nos diabéticos tipo 1. Isto facilita que o coração leve o sangue para todo o corpo.

Num grupo de pessoas com sobrepeso, a toma diária de 3 g de taurina reduz o peso corporal em sete semanas e reduz vários fatores de risco de doença cardíaca.

Além disso, também descobriu-se que a administração de complementos de taurina reduz a inflamação e o engrosamento arterial. Os anteriores fatores combinados entre se reduzem drásticamente o risco de sofrer uma doença cardíaca.

Para o síndrome metabólico

As pessoas que tem maior risco de sofrer doenças do coração, acidentes cerebrovasculares, diabetes, doenças renais, cancro e outros problemas de saúde devido a obesidade, a hipertensão, a resistência a insulina, os triglicéridos altos e níveis baixos de HDL tem mais possibilidades de sofrer um síndrome metabólico.

Existe um informe publicado pela revista Food & Function na qual estuda-se até que ponto a taurina é capaz de combater o síndrome metabólico. Os investigadores, depois de analisar as reações de animais e em humanos, chegaram a conclusão de que a taurina “é eficaz contra o síndrome metabólico e que, por isso, é beneficiosa nos seguintes aspectos: na redução dos triglicéridos, na prevenção da obesidade, na melhora da resistência a insulina para regular o metabolismo da glicose, na redução do colesterol para prevenir a hipercolesterolemia induzida pela dieta e na diminuição da pressão arterial”.

taurina para fumadores

Para pessoas fumadoras

Num estudo realizado sobre pessoas diabéticas fumadoras, com uma dose diária de 1.500mg de taurina durante 2 semanas, pode-se comprovar a melhoria em Questão de regular a pressão arterial, revertendo anomalias endoteliales precoce (Endotelio = revestimento interno dos vasos sanguíneos).

Para a função cerebral

Modular neurotransmissores no cérebro e ajuda a estabilizar as membranas celulares. É beneficioso para as bexigas vesicais, os olhos, os vasos sanguíneos, e possui propriedades antioxidantes e desintoxicantes.

Ajuda no movimento e transporte de minerais, como o potássio, sódio e cálcio dentro e fora da célula.

taurina cerebro

Para o sistema ocular

A taurina exerce uma função essencial no desenvolvimento e o mantenimento da morfología e as funções da retina, devido a alta concentração que possui o nosso  sistema ocular (especialmente a retina). Para oferece esta proteção, a taurina atúa normalizando o fluxo de iones de cálcio.

Prevene o Tinnitus

A taurina é muito importante para a audição. De facto, os estudos descobriram que, em alguns casos, a taurina pode reverter os processos bioquímicos da perda auditiva. Em outros estudos, se constatado que a taurina pode eliminar quase por completo o zumbido dos ouvidos causado pelo tinnitus.

Grande parte o dano auditivo não acontece na zona correspondente ao seu funcionamento, mas sim nas células nervosas. Estas células são as que convertem as ondas sonoras em energia eléctrica que é a capta o nosso cérebro. Se denominam células ciliadas e dependem do fluxo de iones de cálcio que existe dentro e fora das mesmas. A taurina ajuda a restabelecer e controlar o fluxo normal de iones de cálcio nas células auditivas.

taurina para audição

Melhora a audição em animais aos em que se administraram medicamentos, como o antibiótico gentamicina, que são prejudiciais para a audição. Pode calmar, em um 17% dos casos, o zumbido no ouvido das pessoas que sofrem tinnitus crónico.

Os estudos realizados com animais aos que se subministrou um suplemento nutricional de taurina, de 700 mg a 3,2 gramas ao dia durante várias semanas, comprovaram que a taurina conseguiu erradicar quase por completo o tinnitus. Um estudo piloto realizado em pessoas que chegou a um resultado animador: o 12% das pessoas respondeu com êxito a suplementação com tauriana.

Para o sistema hormonal femenino

As mulheres que fazem terápia de substituição de estrogénios, píldora anticonceptiva, ou aquelas que sofrem de estrogénio excessivo (condição chamada predomínio de estrogénio) podem precisar de um aporte extra de taurina.

A hormona feminina estradiol atenua a formação de taurina no fígado

taurina mulher

Também influencia a retenção excessiva de líquidos durante o período menstrual (TPM).

Para reduzir o stress

O corpo dispõe de complexos mecanismos que ajudam a contrarrestar os efeitos prejudiciais do stress, a partir de um enfoque sistémico e de órgãos  específicos, conhecidos como Resposta Neuroendometabólica ao Stress (NEM).

Seu principal efeito é regular o stress que pode ser uma ameaça para nossa vida, em términos de saúde e supervivência (o corpo deteta desta maneira)

Para o relaxamento

A taurina pode oferecer um efeito relaxante no requisito calmar e relaxar o organismo, depois de experimentar uma situação deste tipo. Em concreto pode reduzir os níveis liberados de adrenalina.

Quando o stress não é manejado de forma correta, e é duradouro por um longo tempo, o organismo passa por um declive, já que produz a desregulação do complexo NEM

taurina como relaxante

Para o Parkinson

Os estudos dizem que a taurina pode ajudar na regeneração das células cerebrais. As provas realizadas  demonstraram que os pacientes com Parkinson presentam baixos níveis de taurina.

A taurina tem a capacidade de aumentar o crescimento das células cerebrais mediante a estimulação das células madre e a prolongação da vida das neuronas. Além disso, descobriram que no hipocampo (a parte do cérebro responsável da memoria) podem  crescer novas células cerebrais consumindo alimentos ricos em taurina e suplemento dietéticos de taurina.

A Taurina funciona muito bem estimulando o cérebro, em combinação com glicina.

Combate os radicais livres

A taurina é um antioxidante. Isto significa que pode ajudar a combater os radicais livres e qualquer substância que cause stress oxidativo no organismo. Observaram algum tempo os pacientes que sofrem doenças periodontal crónica com o fim de comprovar se a taurina contribui a sua cura.

De acordo com os dados obtidos, a taurina consegue melhorar consideravelmente os níveis de antioxidantes dos pacientes ao aumentar os produtos de peroxidação lipídica (TBARS) e as enzimas antioxidantes. Graças a isto, se consegue aumentar sua cura.

taurina doença periodontal

Outros benefícios da taurina para a saúde

A taurina tem múltiplos benefícios para a saúde. Nota-se uma melhora em diversas funções corporais, como a capacidade de ver e escutar as pessoas que sofrem determinadas patologias.

Em um dos estudos, realizados em humanos,se comprovou que o 12% dos sujeitos que tomaram suplementos dietéticos de taurina eliminaram por completo o zumbido que padeciam nos ouvidos, relacionado com a perda da audição.

A taurina também desempenha um papel importante na regulação das contracções musculares. Por isso, também ajuda a reduzir as convulsões e a tratar condições como a epilepsia..

Deve-se que a taurina tem uma grande capacidade para unir aos receptores GABA do cérebro, que desempenham um papel clave no controlo do sistema nervoso central.

Além disso, a taurina também protege as células do fígado dos radicais livres e dos danos oxidativos das toxinas. Um estudo mostrou que a administração de dois gramas de taurina três vezes ao dia reduz os danos hepáticos e o stress oxidativo.

No entanto, a maioria destes benefícios requer mais investigação.

Taurina e diabetes

A taurina melhora o controlo do açúcar no sangue e proporciona benefícios para os diabéticos.

Estudos em ratos com diabetes mostram que a suplementação a longo prazo com taurina reduz os níveis de açúcar no sangue em jejum sem alterar a dieta ou o exercício.

Os níveis de açúcar no sangue em jejum são muito importantes, uma vez que os níveis elevados são um factor chave na diabetes tipo 2 e em muitas outras doenças crónicas.

Alguns estudos indicam que uma maior toma de taurina pode ajudar a prevenir a diabetes tipo 2 ao reduzir os níveis de açúcar no sangue a sangue e a resistência a insulina.

Curiosamente, os níveis de taurina em diabéticos tendem a ser mais baixos do que em pessoas saudáveis, o que é outra indicação de que poderia desempenhar um papel decisivo nesta doença.

Taurina e desportistas

A taurina é muito beneficiosa para o rendimento desportivo. Os estudos realizados encontraram que a taurina:taurina rendimento fisico

A taurina possui uma serie de benefícios para os atletas

  • Ajuda aos músculos trabalhar mais duro e durante mais tempo.
  • Incrementa a capacidade dos músculos para contrair e ajuda a gerar mais força.
  • Contrarresta os produtos que produzem a fatiga, conhecidos como dor muscular.
  • Protege os músculos do dano celular e do stress oxidativo.
  • Aumenta a queima de gordura durante o exercício.
Os estudos realizados em desportistas que tomaram suplementos dietéticos de taurina enquanto estavam treinando demonstraram que tiveram um melhor rendimento no exercício. No caso de ciclistas e corredores  observou que podiam aguentar distancias mais longas com menos fatiga.

Outro estudo apoia o papel da taurina na redução do dano muscular. Neste caso, os participantes realizavam levantamento de pesas e se comprovou que a taurina ajudou a reduzir o dano e a dor.

taurina maior rendimento desportivo

Incremento do rendimento desportivo

Os estudos clínicos  sustentam que a taurina melhora o rendimento desportivo. Um estudo realizado pelo Grupo de Investigação da Saúde e Ciências do Desporto da Universidade de Stirling em Escócia, analisou o rendimento dos corredores de media distancia antes, e depois de tomar taurina em forma de suplementos.

O resultado foi que o 90% dos corredores melhorou sua marca em alguns segundos e, neste tipo de desportistas uns segundos fazem a diferença para conseguir um recorde

Os corredores tomaram 1,000 miligramas de taurina duas horas antes da corrida. O suplemento dietético não afetou a vias respiratórias, a frequência cardíaca ou os níveis de lactato no sangue e o resultado teve um aumento no rendimento. Com 99.3% de possibilidades, demonstrou que a taurina aumenta o rendimento durante a corrida.

Outros estudos, deram resultados diferentes. O estudo publicado no Journal of Strength and Conditioning Research realizou-se sobre quinze corredores sobre uma esteira durante 15 minutos. Os participantes consumiram uma grande variedade de bebidas energéticas com cafeína e taurina. Os investigadores concluíram que:

“Os resultados não mostraram benefícios do rendimento nas condiciones de este estudo, mas parece que houve um aumento significativo na pressão arterial sistólica”.

Suplemento para definição

A taurina também ajuda a perder peso, o aumentar a queima de gordura. No caso dos ciclistas, a toma de 1,66 gramas da taurina supôs uma queima de gordura de um 16%.

taurina suplemento po

Suplementos e doses de Taurina

A dose mais comum da taurina em formato de suplemento dietético oscila entre 500 e 2.000 mg por dia.

Embora, o seu limite de toxicidade é muito mais alto e, incluso, as dose é superiores a 2.000 mg são bem toleradas. Nos estudos clínicos realizados utilizaram-se entre 400 a 6.000 mg ao dia.

Embora, é necessário realizar mais estudos para confirmar o limite de toxicidade.  Além disso, devemos que ter em mente que o corpo desfaz do excesso da taurina através dos rins, o que pode danificar-los, especialmente em pessoas com insuficiência renal. Neste caso, é necessário consultar previamente o médico.

O método mais simples e menos caro para obter a dose de taurina que o organismo necessita é mediante os suplementos dietéticos de taurina, já seja em forma de pó, comprimidos ou cápsulas.

Segurança da Taurina

Estudos clínicos sobre a segurança da taurina sugerem que mesmo uma ingestão ao longo da vida de até 3.000 mg por dia permanece segura.

Alguns estudos utilizam uma dose mais elevada durante curtos períodos de tempo, mas com 3.000 mg por dia obtém todos os benefícios da taurina numa dose segura.

Taurina em bebidas energéticas

A taurina costuma ser adicionada com frequência nos refrescos e bebidas energéticas, que podem conter entre 600 e 1.000 mg em uma porção de 235 ml.

Embora, devido a outros ingredientes danificados que contém este tipo de bebidas não recomenda tomar estas bebidas energéticas.

propriedades taurina

Efeitos secundários da Taurina

De acordo com as investigações disponíveis. à taurina não tem efeitos secundários se é tomada nas quantidades recomendadas.

Embora os suplementos não causam problemas diretamente, há casados ocorridos em Europa da norte de alguns desportistas que tomaram bebidas energéticas que continham taurina e cafeína. Devido a isso, alguns países chegaram a proibir ou restringir a venda da taurina.

Embora, não está clara a causa das mortes, se é devido as altas dose de outras substâncias ingeridas pelos desportistas.

Como a maioria dos aminoácidos, as pessoas que tenham alguns problema ou doença renal pode ter problemas.

Podemos concluir que a taurina, consumida por pessoas sanas em quantidades razoáveis, não tem efeitos secundários negativos conhecidos.

A L Taurina e as bebidas energéticas

bebidas energeticas saúde

Sabias que o número de emergências hospitais duplicaram-se nos últimos anos devido as bebidas energéticas?

Não é nenhum secreto que estas bebidas também contém cafeína. Alguma contém taurina, mas a responsável dos efeitos secundários pode ser devido a alta dose de cafeína.

Embora a Agência Europeia para a Segurança Alimentar, um consumo diário de taurina, de até 3.000 miligramas, em forma de suplementos dietéticos “não presenta nenhum efeito adverso”.

Por isso, não recomendamos a toma de bebidas energéticas, por que contém muitos outros ingredientes que são nocivos, como elevadas quantidades de açúcar e cafeína, assim como corantes, potenciadores de sabor, etc,  que devemos evitar.

Em contraste com estes ingredientes nocivos, os suplementos tem muitos benefícios para a saúde do coração, tem efeitos antioxidantes que estimulam os músculos e, o qual, permite aos desportistas conseguir melhor rendimento.

A taurina também tem efeitos relaxantes que tranquilizam as pessoas com transtornos neurológicos. Se reflexionas vais a ver que as bebidas energéticas não tem nenhum efeito clamante. Isto deve-se a que a energia deste tipo de bebidas tem origem de outros ingredientes.

bebidas energeticas taurina

Segurança das bebidas energéticas

Nos meios de comunicação informarão em algumas ocasiões de crianças e adolescentes que morreram por uma sobredose de cafeína.

No caso dos adolescentes tomaram três bebidas diferentes em pouco tempo, uma das quais era uma bebida energética. Não sofriam nenhuma doença cardíaca mais uma grande quantidade de outro ingrediente provocou uma arritmia cardíaca. Quando isto sucede, o coração late demasiado rápido, muito lento ou irregularmente.

Neste caso a taurina não foi citada. De acordo com as autoridades sanitárias a cafeína em dose de até 400 miligramas, ou aproximadamente cinco chávenas de café ao dia, considera segura, pelo geral. Embora o, consumo de 0,95 litros de bebidas energéticas tem efeitos prejudiciais já que que altera a pressão arterial e o funcionamento do coração. Atualmente existe uma cifra perto dos 500 produtos de bebidas energéticas no mercado,por isso as urgências dos hospitais tem tantos casos de consumo inadequado desta tipo de bebidas

Em resumo, as resposta é não. As bebidas energéticas não são boas, tanto se tem taurina ou outros ingredientes. Isto não no significa que temos que recusar, no seu formato de suplemento nutricional não é nociva e, além disso, oferece muitos benefícios para a saúde.

Perguntas frequentes sobre a L-Taurina

Como tomar a taurina?

A dose recomendada oscila entre os 500-2000mg, pode optar por ingerir com as refeições, ou como em muitos casos, em conjunto a produtos de pré-entreino.

Quem pode tomar taurina?

  • Qualquer pessoa que procura enriquecer sua dieta com este aminoácido
  • Pessoas que querem levar um estilo de vida saudável
  • Desportistas

É seguro taurina?

Embora não comprovaram-se efeitos secundários ou toxicidade a partir do seu consumo, é aconselhável consultar profissionais antes de incorporar na dieta, para assegurar um enriquecimento equilibrado do estado físico e do funcionamento do organismo.

Em estudos, doses não superiores a 3g podem manter com total segurança.

taurina pré treino

A taurina é um estimulante?

Não é um estimulante, apesar de que é possível encontrar em bebidas energéticas.

Combinar taurina com…

Com electrolitos

Devido a sua função de osmoregulador, para aportar um volume antes de um treino que realizaremos sob umas condições climáticas que sejam um pouco adversas, ou bem, pelos próprios parámetros da pessoa, em questão do suor, e garantir uma correta hidratação.

Com Cafeína

Para obter benefícios no plano cognitivo e físico mediante o “combo” taurina + cafeína, que pode melhorar a absorção desta.

Com BCAAs 

Para reduzir o prazo da recuperação muscular, ocasionado pelos esforços de alta intensidade, conhecido como DOMS ou dores musculares que aparecem com atraso, o que permite ao desportista encontrar-se bem para poder fazer frente a uma nova sessão desportiva.

Com Magnésio

Para dormir melhor, recomenda combinar taurina + magnésio, devido que presentam um efeito de cara a reduzir o stress, calmar o sistema nervoso, e conciliar o sono reparador. Como benefício adicionado, o estado anímico diário será melhorado, optimizando a sensação do bem-estar.

Taurina e GABA

A taurina é um agonista do GABA (Ácido Gamma Aminobutírico) exercendo a atividade sobre os recetores deste último, para favorecer o estado de relaxamento e bem-estar.

O GABA é o principal neurotransmissor inibidor ou calmante, e afeta ao nível serotonina, de modo que influi sobre o estado de ânimo.

efeitos taurina estado de animo

A ação é similar a da GABA, pelo que pode reduzir quadros da ansiedade, tensão, depressão e insónia

Onde comprar taurina?

Fontes Bibliográficas e Estudos

Bibliografia e Estudos 6-10

Bibliografia e Estudos 11-15

Bibliografia e Estudos 16-20

Bibliografia e Estudos 21-25

Bibliografia e Estudos 26-30

Bibliografia e Estudos 31-35

Bibliografia e Estudos 36-40

Bibliografia e Estudos 41-45

Bibliografia e Estudos 46-50

Bibliografia e Estudos 51-55

Bibliografia e Estudos 56-61

Entradas Relacionadas com tema:

  • Pautas para gerenciar o stress
  • O que são os nootrópicos?
  • Por que retemos líquidos?
  • Conselhos da hidratação
  • Que suplementos tomar para antes de ir a dormir?
Valoração Taurina

Reduzir ansiedade - 90%

Melhora do humor - 88%

Sensação do bem-estar - 89%

Descanso noturno - 88%

Relaxamento e Efeito calmante - 92%

Melhora a pressão arterial - 94%

90%

HSN Evaluação: 4.5 /5
Content Protection by DMCA.com
Confira também
ornitina aminoacidos
L-Ornitina – O que é, para que serve e benefícios

O aminoácido ornitina é uma das substancias mais desconhecidas dentro do âmbito desportivo. Durante os últimos …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Gostas do nosso HSNBlog?
HSN Newsletter
Então imagina as promoções da nossa loja.

Deixa-nos os teu e-mail e terás acesso às melhores promoções temos para os nossos clientes


aceito a política de privacidade