O melhor artigo sobre a Whey Protein Isolate - MÁXIMA biodisponibilidade Blog de Fitness, Nutrição, Saúde e Desporto | Blog HSN
Home / Nutrição / Proteínas / Whey Protein Isolate ou Isolado de Proteína de Soro

Whey Protein Isolate ou Isolado de Proteína de Soro

Cada vez é mais comum que qualquer aficionado ao treino disponha de algum tipo de suplemento nutricional, bem seja para cuidar a saúde ou bem seja para melhorar o nível físico, tanto a composição muscular como corporal. Hoje vamos a falar de um dos mais famosos: Whey Protein Isolate ou Isolado de Proteína de Soro

Whey, o Suplemento mais Vendido e Consumido

Com certeza, no dia de hoje, a proteína WHey seja o suplemento mais vendido (junto a Creatina) tanto dentro como fora do mundo da nutrição desportiva. Parte da sua fama deve-se aos benefícios mostrados em alguns ensaios clínicos ou inclusive a nível de composição corporal.

O que são as Proteínas Isoladas de soro ou Whey Protein Isolate (WPI)?

O termo Isolado de Soro de Leite ou na sua denominação WPI (Whey Protein Isolate), faz referência às características que guardam este tipo de proteínas lácteas como fonte de proteínas para completar os requerimentos nutricionais, especialmente naquelas pessoas ativas, ainda que são uma opção totalmente factível para incluir em qualquer regime nutricional.

A proteína de soro isolada está composta por um 90-95% de proteína pura e obtém-se ao filtrar a proteína do leite, o suficiente para eliminar grande parte da lactose, hidratos de carbono, gorduras e colesterol.

Caracterizam-se por oferecer uma alta percentagem de proteínas e serem baixas ou praticamente nulas em qualquer outro elemento não desejado, como hidratos de carbono (e, portanto, lactose), gorduras e colesterol. Tratam-se de Proteínas de Rápida Digestão e Assimilação.

Além disso, contam com um excelente perfil de aminoácidos, dado que são Proteínas Completas ao serem de origem animal, sendo deste modo não limitante em nenhum aminoácido e oferecendo umas esplêndidas doses de aminoácidos essenciais: histidina, isoleucina (BCAA), leucina (BCAA), lisina, metionina, fenilalanina, treonina, triptófano e valina (BCAA).

Whey Suplemento mais consumido

Neste aryigo, vamos conhecer por que a Whey Protein Isolate ganhou esta fama

Se queres saber onde compras as Proteínas de Isolado de Soro, clica aqui
Também contam com elevados níveis de Ácido Glutámico, que é precursor do aminoácido condicionalmente essencial, L-Glutamina. A faceta de “condicional” é adquirida em diversos cenários. Apesar de que o nosso corpo é capaz de sintetizar este aminoácido, em situações de stress, tal como uma fase de alta demanda de trabalho, ou um regime de restrição calórica com objetivos de melhorar a composição corporal, vão ser etapas onde se pode ver comprometida a sua geração. O seu aporte externo através da WPI, pode ser crucial nas tarefas de manutenção da massa muscular ou fortalecimento do sistema imune.

Por outro lado, a Proteína Isolada de Soro conta com uns níveis adequados de cisteína, precursor direto do maior antioxidante do nosso corpo: a Glutationa. A sua tarefa principal será reduzir o dano oxidativo que provocam os radicais livres. Estas moléculas não desejadas são o resultado de diversos factores, como a exposição a ambientes determinados (contaminantes, excessiva exposição solar…) ou por processos metabólicos (produtos de resíduo metabólico…). O efeito que vão produzir amplifica-se no entorno celular, dado que podem atacar as células vizinhas, propagando este fenómeno a qualquer tecido ou órgão que forme o nosso sistema. Claro que o organismo procura em todo o momento reduzir este excesso de radicais livres, mas sempre será de beneplácito poder contribuir para manter um estado de saúde ótimo através de diversos mecanismos fortalecedores.

Proteína aislada de Suero Lácteo

Finalmente, outro ponto destacado das Proteínas Isoladas de Soro é a sua rica concentração em péptidos bioativos, com importantes benefícios para potenciar a saúde do nosso organismo, tal como o fortalecimento do sistema imunológico, melhorar o transporte de ferro, ou exercer uma potente ação anti-inflamatória.

A WPI ou Isolado de Proteína de Soro contribui para melhorar a qualidade de vida desde o ponto de vista nutricional, já que aportará elementos necessários para completar tarefas indispensáveis que velarão para cumprir esta premissa, tal como melhorar a composição corporal, incrementar a saciedade na dieta, ou contribuir com a ingestão de aminoácidos.

Proteína Não só para Desportistas

Evolate
Isolado de proteína de soro otimizada com Aminogen® para uma maior absorção. Máxima qualidade ao melhor preço. COMPRAR AO MELHOR PREÇO
Ainda que o consumo da proteína Whey associa-se ao primeiro que devemos olhar num suplemento de proteína, é seu valor nutricional. Obviamente, nos interessa que seu aporte proteico seja elevado, algo que muitos dos suplementos proteicos cumprem sem dificuldade. desportistas, observou-se certos benefícios que podem-se extrapolar a nutrição clínica ou incluso ao dia-a-dia de uma pessoa que só faz o desporto como hobbie. Quando observamos as propriedades de dita proteína, vamos descobrir que a pesar de ser insiluonotrópica (libera uma grande quantidade de insulina), a longo prazo melhora a sensibilidade a dita hormona por parte dos tecidos (1), o que se traduz como uma menor necessidade de insulina.

Whey e Insulina

Este efeito da proteína WHEY ou dos BCAAs que contém, não só actua a nível da insulina, se não que também melhora a sensibilidade a glucose, tendo um efeito anti-diabético.

Comparativa de Proteínas

O primeiro que devemos olhar num suplemento de proteína, é seu valor nutricional. Obviamente, nos interessa que seu aporte proteico seja elevado, algo que muitos dos suplementos proteicos cumprem sem dificuldade.
comparativa-marcas

Aminograma

Como podemos observar, a maioria dos suplementos, tem um aporte de proteínas superior ao 70% (com excepção da WHEY da marca FA). Entretanto, a quantidade de proteínas não asseguram um produto seja de qualidade, já que isto marca em grande parte a maior ou menos presença de certos aminoácidos (aminograma). Este gráfico que vamos ver logo depois observamos a quantidade de BCAAs (aminoácidos ramificados essenciais) que contém cada proteína.

Como comparar proteínas

Faz um tempo decidimos aclarar ao usuário o tema das comparativas de proteínas entre as diferentes marcas, dado que em muitas ocasiões sugere certa controvérsia. A cliente final deve-se mostrar a máxima transparência, um fato óbvio se ainda mais esta pessoa decide comprar um amplo catálogo de proteínas para decidir qual escolher. As vezes as lojas funcionam baixo parâmetros os quais não são 100% objectivos e não especificam valores de acordo com a informação fidedigna.

Para não dar lugar a dúvidas, neste artigo consegui,os resolver o dilema de Como Comparar Proteínas, dando um pouco de luz a um tema sombrio, e atendendo a uma serie de conceitos que o consumidor deve ter presnete.

Comparativa de BCAAs

comparativa-marcas-2

No caso da EVOLATE, que é uma proteína Whey Protein Isolate, e o fornecimento de BCAAs é muito próximo aos 20g, sendo superior ao resto de proteínas reconhecidas

Isto explicaria como ao comparar Whey Protein Isolate ccom outras proteinas de origem vegetal (Soja Protein Isolate) ou incluso outros WHEY em forma de concentrado, a ISO sai ganhando em quanto a qualidade se refere.

Comparativa de Preços

Porém, uma das razões pela qual a proteína WHEY ISOLATE cria algo de rejeição no mundo da complementação, é seu elevado custo em comparação a outras formulas hiper-proteicas.

comparativa-marcas-3

Como podes ver no gráfico anterior, a maioria de WPI (WHey Protein Isolate) em formato de 2 Kg, supera os 60€, porém, a EVOLATE tem um preço inferior as demais a pesar de ter a mesma matéria prima que os produtos de Amix (Refletidos na gráfica como barras vermelhas).

Proteína CFM

A forma de obtenção de dito produto é perante CFM (Cross-Flow Microfiltration), o que permite manter substâncias de grande interesse que perdem-se com outras purificações, como pode ser perante o intercâmbio iónico. Este último como seu nome indica, utiliza substâncias para trocar iones e desta forma purificar a proteína do leite (WHEY). Entretanto, ao utilizar substancias de um PH ácido faz que se perca ditas fracções que podem aportar certos benefícios.

Lecitina

Evolate de HSNsports incorpora este tipo de matéria prima de primeira qualidade: usamos um isolado de soro de máxima qualidade que utiliza como emulsionante a letcitina de girassol em vez da que usa a maioria “lecitina de soja” com o fim de eliminar o alérgeno e sem renunciar a qualidade característica do produto.
Evolate
Isolado de proteína de soro otimizada com Aminogen® para uma maior absorção. Máxima qualidade ao melhor preço. COMPRAR AO MELHOR PREÇO

Composição da Whey Isolate CFM?

As proteínas de Soro de Leite procedem da extração desta fração proteica a partir da manufaturação do queijo. Em primeira instância considerava-se um subproduto que não apresentava grande relevância, mas a raiz da investigação, optou-se por aproveitar-lo, devido ao seu enorme potencial e propriedades benéficas para a saúde, assim como pelo seu excelente aporte nutricional.


α -Lactoalbúmina

A α –Lactoalbumina é uma proteína que encontra-se principalmente no leite materno, ainda que também observou-se, em menos medida, no leite de vaca(2). Como não é de estranhar, a lactoalbumina converte o leite materno num aporte não substituível para os recém nascidos, já que porta outros benefícios como protecção contra bactérias patógenas.

lactoalbumina

Esta proteína serve para aportar aminoácidos essenciais, como pode ser o triptófano (3), percursor de serotonina e ajuda a manter os níveis adequados de melatonina (hormona relacionado com o ciclo do sono-vigília). Este fato, deixa ver como a proteína hey alta em lactoalbumína pode melhorar o rendimento cognitivo em alguns grupos de pessoas susceptíveis ao stress (4).

lactoalbumina-2

Inmonoglobulinas (IgG1m IgG2, IgA y IgM)

As inmunoglobulinas han mostrado actividad antimicrobiana y pueden neutralizar toxinas y virus. Actualmente se están realizando importantes investigaciones para determinar la posible aplicación de anticuerpos lácteos en la prevención o el tratamiento de enfermedades y condiciones microbianas en seres humanos.

Beta-lactoglobulina (Beta-lac)

Proteína presente no leite que acha-se que pode ajudar ao transporte de substancias de origem liptico, ainda que sua evidencia não está totalmente clara (5).

Alfa-lactoalbúmina (Alpha-lac)

A fracção alfa representa um 25% do total do soro e proporciona um aminograma muito parecido ao leite materno

Lactoferrina

Glicoproteína (proteína a qual tem um glúcotido unido) que ajuda na absorção do ferro e que possui actividade bacteriostática (limita o crescimento de certos grupos de bactérias) pelo que se associa a um melhor estado imune (6). Não há que esquecer, que uma má flora intestinal se associa a problemas de obesidade (7), onde acompanhado a uma maior absorção de glicose por partes dessas pessoas (8) aumenta a probabilidade de sofrer diabete.

Glicomacropeptido (GMP)

Tal como indica seu nome, falamos de um péptido derivado da caseína que contém açúcares em sua estrutura. Suas propriedades são as seguintes (9):

  • Redução da secreção gástrica
  • Efeito anti-cariogénico (impede la caries)
  • Inibe a toxina da cólera
  • Modula a resposta imune
  • Previne a infecção intestinal
  • Se associa a uma menor sensação de fome

Contém altas quantidades de aminoácidos de cadeia ramificada (BCAAs), que podem estimular a produção de colecistoquinina (CCK), um péptido que se libera após a ingestão do alimento, proporcionando a sensação de saciedade. Investigações recentes podem dizem guardar propriedades para o tratamento de fenilcetonuria.

Lactoperoxidasa (LPO)

Uma das proteínas mais importantes na Isolate, já que ajuda ao sistema imune ao combater microorganismos (11). Dito potencial fez que a industria alimentar será questionado usando para conservar certos alimentos, porém, seu elevado custo evita dita aplicação.

Lactoperoxidasa

Concentración de Lactoperoxidasa(LPO) frente a actividad antimicrobiana

Como podemos ver, a WHEY ISOLATE obtida a través de CFM da lugar a uma proteína WHEY com substancias bioactívas que ajudam a nosso organismo e sobre todo a melhorar nosso sistema imune..
Whey protein isolate
Proteína Isolada de Soro de Leite. 92% Proteínas mediante CFM. Alta qualidade e pureza COMPRAR AO MELHOR PREÇO

Quais são os diferentes tipos de Whey ou Proteínas de Soro de Leite?

Dentro de los tipos de Whey o Suero de Leche, vamos a encontrar fundamentalmente 3:

O primeiro e segundo tipo diferenciam-se do terceiro no que se refere à estrutura molecular, devido a que o WPH se apresenta de maneira “hidrolisada”, isto é, existirá uma alta presença de péptidos como resultado do processo de hidrólise e que, portanto, será a proteína com uma taxa superior em velocidade de absorção, já que se encontra praticamente digerida. Recordemos que é precisamente na forma de péptidos como o nosso organismo absorve a proteína (uma vez realizada a digestão).

Em relação com as diferenças existentes entre WPC e WPI podemos especificar-las nos seguintes termos:

  • Percentagem de Proteínas: WPI > WPC
  • Percentagem de Frações Proteicas: WPI > WPC
  • Percentagem de outros elementos, tais como carboidratos, gorduras, lactose e impurezas: WPI < WPC
  • Capacidade de Estimular a Síntese Proteica: WPI > WPC

Métodos de obtenção das Proteínas Isoladas de Soro

Uma vez que o Soro de leite é extraído a partir da produção do queijo, é submetido a diversos processos, até chegar em formato de pó às estantes das lojas de nutrição desportiva.

Em primeiro lugar, é preciso eliminar qualquer rastro de queijo, mediante um processo de pasteurizado e após o qual a gordura é eliminada por separação centrífuga. Neste momento, o produto resultante está disponível para ser utilizado em diversos propósitos ou produtos, tal como o WPC (Whey Protein Concentrate ou Concentrado de Proteína de Soro de Leite), ou outros similares segundo demandem os diferentes compradores finais. Uma das vias de continuação do tratamento do produto será, claro, obter a Proteína Isolada (WPI).

Na hora de produzir WPI podem-se utilizar os seguintes métodos:

  • Intercâmbio Iónico
    Micro e/ou Ultra- Filtração
    CFM (Cross Flow Microfiltration) ou Microfiltração por Fluxo Cruzado

A principal diferença entre os processos de Intercâmbio Iónico Vs Filtração reside na composição final de proteína, onde no primeiro caso, algumas frações não são recuperadas por este processo, dando como resultado a perda de cerca da quinta parte destes importantes componentes.

No primeiro método, produz-se a separação da proteína em função da carga eléctrica, a partir do uso de agentes químicos: ácido clorhídrico e hidróxido de sódio. O pH do soro pré-tratado ajusta-se a 3-3,5 e é introduzido num tanque de resina agitado onde algumas proteínas são absorvidas. Depois de retirar o soro resultante do tanque, parcialmente desproteinizado, ao conteúdo proteico desejado devolve-se o pH através do hidróxido de sódio. O pH da solução que contém proteína resultante, ajusta-se segundo de deseja, concentra-se (por ultrafiltração, ósmose inversa e/ou evaporação a vácuo) e seca-se por pulverização. Como é óbvio, o uso de químicos degradará as fracções sensíveis, em concreto, os glicomacropéptidos, as imunoglobinas e a alfa-lactoalbumina e alguns aminoácido são desnaturalizados. Esta perda de fracções activas compensa-se obtendo-se uma concentração maior em beta-lactoglobulina, que tende a ser a mais alérgica. Não é o melhor método.

WPi e força

Para o segundo caso, a diferença entre “Micro e Ultra” residirá no tamanho do poro da membrana utilizada para a filtração. A microfiltração utiliza membranas cerâmicas de alta tecnologia para filtrar o soro. Não se utilizam agentes químicos, pelo que a maioria das frações biológicas estão intactas. A ultrafiltração é um método similar à microfiltração, mas utiliza poros mais pequenos com maior pressão. Mediante o uso de filtros de membrana, os componentes não desejados (gordura, lactose) filtram-se, em função ao tamanho das partículas e estrutura molecular. Este processo é muito mais benéfico que o anterior:

  • Evita a desnaturalização da proteína
  • Melhora o perfil de aminoácidos
  • Para a separação da proteína não se utiliza calor nem altas temperaturas ou agentes químicos

O que é CFM e porque é importante?

A técnica CFM é a opção que dá como resultado um proteína de maior qualidade dos existentes na actualidade. O único inconveniente é o custo que supõe, que pode duplicar ou triplicar os anteriores.

Este método foi patenteado por Glanbia (uma das maiores industrias mundiais dedicada ao tratamento de produtos lácteos). O mecanismo é similar ao usado no caso de Micro e/ou Ultra- Filtração, obtendo-se uma percentagem altíssima de proteínas, superior a 90% em produto, sem gorduras ou lactose e deixando íntegro o 100% dos péptidos bioativos. Junto aos benefícios do processo de filtração, inclui:

  • O maior nível de proteína desnaturalizada, especialmente as frações que potenciam o sistema imunológico
  • Maior percentagem de cálcio
  • Menor quantidade de sódio

Péptidos Bioativos nas Proteínas Isoladas de Soro

A proteína Isolada é uma fonte muito importante de nutrientes para favorecer a dieta, já que nos aportará proteínas de alto valor biológico, ou seja, o nosso organismo é capaz de assimilar uma alta percentagem das mesmas, para as tarefas que lhe são aderidas, tanto a nível de regeneração de tecidos como no resto de aspetos fisiológicos. Por outro lado, outro ponto que suscita um grande interesse na ingestão deste tipo de proteínas é pela sua riqueza em péptidos que possuem atividade biológica.

Os péptidos biológicos são fracções proteicas que vão produzir um impacto sobre a saúde humana, em praticamente todos os nossos sistemas integrados:

  • Cardiovascular
  • Nervoso
  • Gastrointestinal
  • Imunológico

Para que servem as Proteínas Isoladas de Soro?

A principal ação de WPI será ajudar a pessoa a completar as suas Requerimentos Necessidades Nutricionais em matéria de proteínas. Entretanto, esta definição engloba uma de maior profundidade, onde se comprometem outros conceitos:

  • Aporte de “Blocos de Construção”: tal como a proteína está constituída por cadeias de aminoácidos e estes são os elementos unitários cujas propriedades provocam que o corpo os usem como matéria para a síntese de novos tecidos musculares. Além de dar suporte para as estruturas proteicas e ser moeda de intercâmbio no “Protein Turnover”, os aminoácidos vão-se ocupar de outras tarefas essenciais dentro do nosso organismo: suporte para a produção de hormonas e enzimas, órgãos, pele, cabelo, unhas, ossos…
  • Estimular a Síntese de Proteínas: além do aporte dos elementos necessários para a labor de construção muscular, WPI estimulará a síntese de proteínas (MPS) devido à presença do aminoácido Leucina, pertencente aos BCAAs. O conteúdo de leucina de uma fonte de proteína pode-nos especificar a sua capacidade anabólica. Nestes termos, existe uma alta presença de Leucina no Isolado de Proteína de Soro e que, portanto, atuará de maneira fisiológica para por em marcha os mecanismos específicos de criação de novas proteínas. Fala-se neste caso de activar a via mTOR que regulará o inicio desta cascata de operações complexas que vão acontecer.
  • Rápida Absorção: esta característica é especialmente importante quando buscamos uma fonte que nos subministre de maneira rápida e eficaz, a presença de aminoácidos na nossa corrente sanguínea, tal como num cenário catabólico (degradação de proteínas) como é o próprio treino. Neste caso, procuramos reverter esta situação e obter uma resposta positiva no que se refere à presença de aminoácidos, ou seja, um Balanço de Nitrogénio.
Whey protein isolate
Proteína Isolada de Soro de Leite. 92% Proteínas mediante CFM. Alta qualidade e pureza COMPRAR AO MELHOR PREÇO

Quantidade de Lactose nas Proteínas Isoladas de Soro

A quantidade de lactose presente em WPI é praticamente nula, sendo um produto que pode ser consumido por pessoas intolerantes.

Propriedades das Proteínas Isoladas de Soro

Ajuda para perder gordura

A WPI ajuda no controlo do peso e naquelas dietas hipocalóricas para perder gordura. Graças ao efeito saciante da proteína, tendemos a reduzir o apetite entre horas. O formato em pó, será uma maneira cómoda e eficaz de proporcionar este macronutriente à nossa alimentação.

Potencia o sistema imunológico

Como vimos, a presença das frações proteicas que proporciona o soro e graças aos processos de obtenção do WPI, evitando a sua degradação, podemos fazer uso da mesma faculdade para beneficiar a nossa saúde. A presença de cisteína, como principal precursor da glutationa, elevará as propriedades antioxidantes.

Crescimiento Muscular

Aquelas pessoas desportistas cujos objectivos são o ganho de massa muscular magra, poderão beneficiar-se das propriedades do soro de leite de alta qualidade. Ingerir de 2 a 3 batidos diários, para completar os requerimentos, será uma maneira adequada de utilização. Cabe destacar a presença de uma alta concentração de aminoácidos, em especial, os BCAAs, com a leucina como principal implicado na tarefa da síntese de proteínas.

Beneficios de las Proteínas Aisladas de Suero

Para qualquer pessoa, o apoio nutricional com WPI, suporá um extra para fortalecer a sua dieta. Graças à proteína incorporará nutrientes essenciais, de uma maneira fácil e cómoda, além de que não provocará nenhum problema de tipo estomacal, nem relacionado com alergias como a intolerância à lactose.

Para os desportistas, além disso, juntam-se outras importantes propriedades: Recuperação Muscular e Rendimento Físico.

Evolate
Isolado de proteína de soro otimizada com Aminogen® para uma maior absorção. Máxima qualidade ao melhor preço. COMPRAR AO MELHOR PREÇO
WPI possui um alto nível de BCAAs, que foram investigados como elementos que ajudam a reduzir drasticamente o dano muscular ocasionado pela acção física, assim como o desgaste derivado do mesmo. Dá-se a circunstância de que os BCAAs possuem uma presença em volta a um terço do total do músculo esquelético e sofrem ainda um maior grau de degradação contra outros aminoácidos. Deste modo, a sua mais valia trabalhará para reduzir a fase de recuperação. Por outro lado, o conteúdo de glutamina e precursores, contribuirá para elevar a presença deste aminoácido no plasma sanguíneo, o que se relaciona de igual modo com os processos de regeneração e pode ainda ajudar a reduzir a síndrome do excesso de treino.

Porque devo tomar Proteínas Isoladas de Soro?

O raciocínio atende às seguintes conclusões, onde se manifesta o carácter de “proteína mais ótima”:

  • Intolerância à Lactose
  • Digestibilidade: não provoca nenhum tipo de mal estar estomacal
  • Objetivo: Definição ou Melhora da composição corporal (perder gordura e manutenção da massa muscular)
  • Aporte de Aminoácidos Essenciais: especialmente BCAAs e Glutamina
  • Fortalecimento do Sistema Imunológico: Fracções proteicas e aporte de Cisteína como precursor da Glutationa

 

Como tomar e com que combinar as Proteínas Isoladas de Soro?

O WPI pode tomar-se em qualquer momento do dia no qual seja preciso a ingestão de um aporte nutricional proteico. No entanto, em certos momentos, é especialmente interessante realizar uma toma de Whey Protein Isolate, tal como:

  • Em Jejum
  • Antes e/ou Depois do Treino

A quantidade de proteína que se recomenda ingerir por dose em cada toma dependerá dos objetivos da pessoa (finalidade, tipo, duração, frequência, intensidade do treino, assim como as suas características subjectivas (peso corporal e percentagem de massa muscular). Assim, haverá que contabilizar a quantidade de proteína procedente desta fonte, para juntar o cômputo global diário e, desta maneira completar os requerimentos de proteínas.

Em termos gerais, as recomendações oscilarão por ingerir em cada toma: de 20 a 50g de Proteína Isolada de Soro.

Whey protein isolate
Proteína Isolada de Soro de Leite. 92% Proteínas mediante CFM. Alta qualidade e pureza COMPRAR AO MELHOR PREÇO
As proteínas WPI podem combinar-se com qualquer tipo de Suplemento de Nutrição Desportiva:
  • Outras Fontes Proteicas, para gerar uma fórmula de libertação sequencial e aproveitar as diferentes etapas de vertido de aminoácidos na corrente sanguínea, isto é, os pulsos de síntese proteica (MPS). Entre estas proteínas podíamos utilizar Albumina de Ovo, Caseína
  • Aminoácidos, tais como BCAAs e Glutamina
  • Hidratos de Carbono, como a Amilopectina
  • Potenciadores do Rendimento Desportivo, como a Creatina e/ou Cafeína
  • Precursores do Óxido Nítrico, como a Arginina e/ou Citrulina Malato
  • Otimizadores Hormonais, como o Ácido Aspártico
  • Ácidos Gordos Essenciais, como o CLA e o Ómega-3

Whey Protein Isolate e Desportistas

Não obstante, quando falamos de seu impacto no desportista, o resultado obtido também é satisfatório, sobre tudo quando falamos de recuperação pós-treino. Um dos factores mais abandonado pelos desportistas, é a hidratação:

Somente com um 4% de desidratação, diminuímos nosso rendimento ao aumentar o stress a nível cardíaco (12) e sobre tudo a nível neuro-muscular (13), aumentando a fadiga quase um 12%. Este problema de hidratação vai repercutir em grande medida sobre os atletas que realizam treinos de força, já que a desidratação é uma das causas mais comuns pela qual se produz lesões em tendões e articulações.

Não é extranho, que a a proteína ISOLATE aporte benefícios sobre a hidratação, já que como viu-se em estudos anteriores, o leite de vaca é uma bebida que hidrata igual ou mais que as bebidas comerciais (14,15). Na minha opinião, isto pode dever a que o consumo de proteína WHEY pós-treino eleva os níveis de albumina, uma proteína que encontra-se em plasma e que ajuda a manter a hidratação celular graças a seu efeito sobre a pressão oncótica (16).

Como podemos tirar o máximo partido a WHEY PROTEIN ISOLATE?

Como muitos sabem, existem uma grande quantidade de suplementos que tem efeitos sinérgicos, ou em outras palavras, que se potencia o efeito de um ou ambos suplementos. No caso da ISOLATE, não vai ser diferente.

Proteína e Creatina

Quando olhamos estudos de dita proteína acompanhada de creatina e seus efeitos de composição corporal frente aos hidratos de carbono (17) obteremos os seguintes resultados:

pre-post-entreno

Tal como podemos observar,o grupo que combinava WHEY ISOLATE e CREATINA, levantaram uma quantidade de peso maior que o grupo que só consumia hidratos de carbono, graças em grande parte a niveles mais altos de creatina.

Tabla Creatina Proteína

Níveis de Creatina a nível muscular

Creatina Excell (100% Creapure®)
Creatina Monohidrato com selo de qualidade farmacêutica Creapure®. A melhor ajuda ergogénica para potenciar o rendimento! COMPRAR AO MELHOR PREÇO

Whey Protein Isolate para Recuperar

Ainda que é verdade que um consumo elevado de hidratos de carbono acompanhado de creatina, pode dar lugar a uma maior ganancia de peso livre de gorduras em comparação a Whey Protein Isolate + Creatina, esta deve-se em parte ao glucogénio muscular, e não a uma maior massa muscular. Esta teoria que comento, surge a partir da evidência científica, que mostra como os hidratos de carbono tem um maior potencial de recuperação muscular em comparação a uma proteína de alta qualidade como a ISOLATE(18).

fuerza-whey

Incluso os níveis mais baixos de CK, uma proteína associada ao dano muscular. Tal como vemos no seguinte gráfico, o grupo que consumia proteína Whey tinha níveis mais baixos.

Whey protein isolate
Proteína Isolada de Soro de Leite. 92% Proteínas mediante CFM. Alta qualidade e pureza COMPRAR AO MELHOR PREÇO

Conclusão

Em conclusão, podemos observar como a proteína Evolate (Whey Protein Isolate) aporta benefícios mais além de uma ingestão mais elevada de proteína, o que a converte em um dos produtos estrela tanto a nível desportivo, como a nível de saúde.

S. Espinar

Fontes

  1. Dietary protein impact on glycemic control during weight loss.Layman DK1, Baum JI.
  2. Infant formulas with increased concentrations of α-lactalbumin.Eric L Lien
  3. The Importance of oc-Lactalbumin in Infant Nutrition.WILLI E. HEINE, PETER D. KLEIN AND PETER J. REEDS
  4. Whey protein rich in alpha-lactalbumin increases the ratio of plasma tryptophan to the sum of the other large neutral amino acids and improves cognitive performance in stress-vulnerable subjects.Markus CR1, Olivier B, de Haan EH.
  5. Invited Review: β-Lactoglobulin: Binding Properties,Structure, and Function. G. Kontopidis,1 C. Holt,2 and L. Sawyer1
  6. Lactoferrin: molecular structure and biological function.Lönnerdal B1, Iyer S.
  7. Impact of the Gut Microbiota on the Development of Obesity: Current Concepts.John K DiBaise MD1, Daniel N Frank PhD2 and Ruchi Mathur MD, FRCPC3
  8. Accelerated intestinal glucose absorption in morbidly obese humans – relationship to glucose transporters, incretin hormones and glycaemia.Nguyen NQ1, Debreceni TL, Bambrick JE, Chia B, Wishart J, Deane AM, Rayner CK, Horowitz M, Young RL.
  9. Chemical and functional properties of glycomacropeptide(GMP) and its role in the detection of cheese whey adulteration in milk: a review.Neelima & Rajan Sharma & Yudhishthir Singh Rajput & Bimlesh Mann
  10. Whey fermentation by thermophilic lactic acid bacteria: evolution of carbohydrates and protein content.Pescuma M1, Hébert EM, Mozzi F, Font de Valdez G.
  11. Dajanta, K., E. Chukeatirote and A. Apichartsrangkoon, 2008. Effect of lactoperoxidase system on keeping quality of raw cows milk in Thailand
  12. Skin temperature modifies the impact of hypohydration on aerobic performance. R. W. Kenefick, S. N. Cheuvront, L. J. Palombo, B. R. Ely, and M. N. Sawka
  13. The effects of hypohydration and fatigue on neuromuscular activation performance. Claire Minshull and Lewis James
  14. Milk as an effective post-exercise rehydration drink.Shirreffs SM1, Watson P, Maughan RJ.
  15. Effect of milk protein addition to a carbohydrate-electrolyte rehydration solution ingested after exercise in the heat.James LJ1, Clayton D, Evans GH.
  16. Protein and carbohydrate supplementation after exercise increases plasma volume and albumin content in older and young men. Okazaki
  17. EFFECTS OF WHEY ISOLATE, CREATINE AND RESISTANCE TRAINING ON MUSCLE HYPERTROPHY Paul J. Cribb1, Andrew D. Williams2, Chris G. Stathis1, Michael F. Carey1 and Alan Hayes1.
  18. Whey protein isolate attenuates strength decline after eccentrically-induced muscle damage in healthy individuals Matthew B Cooke1,2†, Emma Rybalka1†, Christos G Stathis1†, Paul J Cribb1†, Alan Hayes1*†

Entradas Relacionadas

Cada vez é mais comum que qualquer aficionado ao treino disponha de algum tipo de suplemento nutricional, bem seja para cuidar a saúde ou bem seja para melhorar o nível físico, tanto a composição muscular como corporal. Hoje vamos a falar de um dos mais famosos: Whey Protein Isolate ou Isolado de Proteína de Soro Whey, o Suplemento mais Vendido e Consumido Com certeza, no dia de hoje, a proteína WHey seja o suplemento mais vendido (junto a Creatina) tanto dentro como fora do mundo da nutrição desportiva. Parte da sua fama deve-se aos benefícios mostrados em alguns ensaios clínicos…

Valoração Whey Protein Isolate

Biodisponibilidade - 100%

Solubilidade - 100%

Baixo nível de lactose - 100%

Digestibilidade - 95%

99%

HSN Evaluação: 5 /5

Check Also

whey concentrate prote

Whey Protein Concentrate ou Proteínas Concentradas de Soro

Índice1 O que são as Proteínas Concentradas de Soro ou Whey Protein Concentrate (WPC)2 De …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *