Proteínas
326 Produtos
  1. «
  2. 1
  3. 2
  4. 3
  5. 4
  6. 5
  7. »
Definir direcção ascendente
326 Produtos
  1. «
  2. 1
  3. 2
  4. 3
  5. 4
  6. 5
  7. »
Definir direcção ascendente
Últimos comentários sobre Proteínas

PROSTAR 100% WHEY PROTEIN - 2,27Kg Prostar whey - Marcos, 05/04/2017

Sabor morango, óptima dissolução! Excelente proteína :-)

Valor
Eficácia
Acondicionamento
Put.General

100% WHEY GOLD STANDARD A proteína mais famosa - Alexandre, 04/04/2017

A Gold Standard da ON cumpre com o que promete, excelente qualidade, ótimos sabores ao melhor preço!

Valor
Eficácia
Acondicionamento
Put.General

INSTANT WHEY PRO Muito Boa Proteina - Hugo, 31/03/2017

Muito Bom Produto. Bom Sabor, dissolve-se muito bem.

Valor
Eficácia
Acondicionamento
Put.General

PROTEIN DELITE Muiiiito saboroso! - Vanessa A., 29/03/2017

Fiquei fã! Adorei... uma boa surpresa nesta compra para batido de proteínas. Muiiiito saboroso! - mesmo morango e pedacinhos. Prático e facilmente solúvel.

Valor
Eficácia
Acondicionamento
Put.General

ISO WHEY ZERO Das melhores - Fernando E., 16/03/2017

A Biotech é uma das melhores marcas e esta proteína não destoa. Praticamente com zero gorduras e açúcares e excelentes sabores. O pão de gengibre é muito bom e diferente, ao passo que o clássico chocolate é muito bom e não enjoa. Excelente qualidade.

Valor
Eficácia
Acondicionamento
Put.General

Proteínas

O que são as proteínas?

As proteínas são moléculas gigantes compostas em grande parte por átomos de carbono, hidrogénio, oxigénio e azoto. Estes átomos não estão envolvidos na composição destas moléculas de forma aleatória, mas como parte de moléculas mais elementares chamadas aminoácidos, unidades estruturais básicas de toda a cadeia proteica, que se ligam ordenadamente mediante ligações peptídicas. As proteínas compõem cerca de 50% do extrato seco dos tecidos.

Índice de conteúdos Ocultar

  1. O que são as proteínas?
  2. Que função têm as proteínas?
  3. Propriedades químicas e físicas das proteínas
  4. Para que são usadas as proteínas?
  5. Quais são as principais fontes de proteína?
  6. Porque é que os desportistas fazem dietas altas em proteínas?
  7. Onde comprar proteínas online?

Que função têm as proteínas?

São componentes naturais de cada organismo vivo, independentemente do domínio a que pertence, de maneira que a vida seria incompatível com a sua ausência. As suas principais tarefas no funcionamento de um organismo humano são:

  • Promover o crescimento, uma tarefa em que gordura e hidratos de carbono não pode substituí-los por falta de azoto.
  • Fornecer os aminoácidos essenciais, ou seja, aqueles que o corpo não pode sintetizar e imprescindíveis para inúmeras funções biológicas.
  • Agem como catalisadores biológicos assegurando a viabilidade das reacções químicas do metabolismo, uma tarefa reservada para as enzimas.
  • Canalisar o transporte de gases no sangue, a função desenvolvida pela hemoglobina.
  • Intervir de forma decisiva nos mecanismos imunológicos na forma de anticorpos.
  • Intervenir na atividade muscular através de fibrilas contráteis que se basam em moléculas de actina e miosina.
  • Função meramente estrutural como a que exerce o colagénio, a principal proteína dos tecidos de suporte.
  • Se bem que não são considerados princípios imediatos energéticos, fornecem ao organismo 4 kcal por grama de proteína ingerida.

Propriedades químicas e físicas das proteínas

A sua estrutura espacial e a presença de determinados grupos químicos nas cadeias de aminoácidos condicionam o seu comportamento nos meios em que se desenvolve, para que possamos analisar essas propriedades:

  • Solubilidade: as proteínas, em base à disposição das cargas eléctricas no exterior das suas moléculas, são solúveis em meios aquosos ao adoptar a conformação globular, gerando o fenómeno de solvatação que consiste em que as moléculas de água que rodeiam os iões protéicos formando uma camada em torno da molécula de proteína.
  • Especificidade: as propriedades físicas e químicas de cada proteína dependem de como ficam dispostos os grupos funcionais das cadeias laterais de aminoácidos, que é uma consequência da configuração espacial assumida. Tais grupos podem interagir com outras moléculas por ligações fracas, deixando o resto da cadeia a função de manter a estabilidade espacial da proteína.
  • Desnaturação: perda na configuração espacial da estrutura molecular da proteína, perdendo a sua base nativa e que pode conduzir a perda de função biológica da mesma. Este fenomeno ocorre em condições ambientais adversas: altas temperaturas, presença de substâncias que alteram o pH ou a intervenção de agentes físicos (cargas elétricas ou de pressão), entre outros. A desnaturação é reversível se essas condições cessam e a sua intensidade não foi suficiente para causar um ponto de não retorno.


Para que são usadas as proteínas?

O facto de comer regularmente proteína através dos alimentos tem como objectivos básicas permitir a síntese de novos tecidos e substâncias orgânicas funcionais e uma função plástica consistente de relevo das proteínas presentes no corpo. Mas é essencial para garantir um equilíbrio entre as necessidades e contribuição, porque quando as proteínas consumidas excedem aquelas, os aminoácidos que as compõem são reciclados como fonte de energia, com a desvantagem de que a sua combustão gera compostos tóxicos que são transformados em ureia e que acabam por ser eliminados através da urina.

Quais são as principais fontes de proteína?

Posto que o nosso organismo assimila aminoácidos e não proteínas, o organismo não distingue a origem das proteínas ingeridas, bem seja proteína animal ou proteína vegetal. As de origem animal contêm uma maior quantidade e variedade de aminoácidos, que lhes confere um maior valor biológico e também maior difículdade para ser processados no aparelho digestivo. Em geral, carnes, peixes, ovos, lácteos, legumes (especialmente proteína de soja, proteína de ervilha, proteína de grão de bico e proteína de lentilha) e de determinando frutos secos, como as nozes podem ser consideradas as fontes mais eficazes de proteínas, sendo conveniente a ingestão combinada para equilibrar as contribuições de aminoácidos essenciais.

Em particular, deve ter-se em consideração os produtos lácteos de alto valor biológico pela sua composição proteica em caseína e lactalbumina, como no caso específico da proteína de soro whey protein, cuja alta percentagem de conteúdo em proteínas representa uma excepcional relação qualidade-preço e altos níveis de aminoácidos essenciais.

Dentro de las whey proteins o proteínas de suero tenemos varios tipos dependiendo del metodo de obtención/filtración de la proteína y en HSNstore te ofrecemos la mayor variedad tanto en productos de nuestras marcas HSN como en productos de las principales marcas del mercado. Estos tipos los podemos resumir en: 

  • Con en torno al 80% de pureza tenemos la Proteína Concentrada de Suero o Whey Protein Concentrate. Un ejemplo de productos que usan este tipo de proteína son Evowhey de HSN Sports y Whey Protein Concentrate de HSN Raw.
  • Un peldaño más arriba tenemos la Whey Protein Isolate o proteína aislada de suero, cuyo % de proteína se sitúa por encima del 90% y con una digestión mucho más ligera que el whey concentrado. Dentro de las marcas HSN tenemos dos productos compuestos exclusivamente de este tipo de proteína que son: Evolate y Whey Protein Isolate 92%
  • Las de más rápida absorción las Proteínas Hidrolizadas. Dentro de la gama HSN tenemos Evohydro y Evopept. La primera es un hidrolizado de aislado de suero (la materi prima que utilizamos en este producto es Optipep90 de Carbery) y la segunda es un hidrolizado de caseína (la materia prima utilizada en este producto es Peptopro).

Porque é que os desportistas fazem dietas altas em proteínas?

Ao projetar-se uma dieta para um desportista não se deve cair na obsessão de contemplar uma especial abundância de proteínas, admitindo a sua exepcional intervenção no fortalecimento do sistema muscular e no complemento de tendões e ligamentos.

É verdade que, muitas vezes, se cai no error sistemático de sobredimensionar o papel das proteínas na dieta dos desportistas. Convém ter em conta que as dietas ricas em proteínas e pobres em carboidratos estão claramente desaconselhadas para este tipo de população, pelo que desde HSNstore.com aconselhamos que um profissional desenhe um plano nutricional em função dos objetivos de cada um, com o fim de não cometer imprudências ou ausência de nutrientes que uma atividade física intensa necesite. Não existem evidências nutricionais que possam garantir um consumo de proteínas superior a 2 gramas por quilo de peso.

Onde comprar proteínas online?

Na Internet existem várias lojas de proteína online, a melhor é HSNstore.com, com uma grande variedade em termos de qualidade e preço. O seu vasto leque de suplementos de proteína e de aminoácidos, hidrolisados de soro, caseína, proteínas de ovo, proteínas substitutas de comida, preparações de soja, etc. preenchem completamente as aspirações dos consumidores.

  
      A Carregar...