Ribose

A ribose é um monossacarídeo que possui uma semelhança estrutural com a frutose, ao ter 5 grupos de carbono. A sua função centra-se a nível do metabolismo celular, especificamente no ATP, substância encarregue de subministrar energia. Este facto, faz com que a sua suplementação (junto com a creatina) seja de interesse em certas doenças tais como a fibromialgia, onde os níveis de ATP estão mais abaixo do normal.

11 Produtos
Definir direcção ascendente

O ATP (energia) é imprescindível para que aconteçam as contrações musculares de alta intensidade, depois das quais se perde uma molécula de fosfato, que se poderá regenerar graças à obtenção da molécula perdida, processo este no qual intervém a creatina, esta regeneração é a curto prazo, mas há outra que funciona mais a longo prazo dla que depende a recuperação completa e a que nos deixa preparados para votar a treinar com a intensidade requerida. Neste último processo é onde a ribose adquire o seu protagonismo.

A ribose traz energia para todas as células do corpo a um nível básico. Quanta mais energia tem o organismo, o coração bate com mais força, melhora a circulação e os músculos têm mais potência. Um maior nível de energia, também melhora o humor e a pessoa sente-se mais ativa e motivada.

A ribose é um tipo específico de açúcar simples que se encontra nas células de todo o organismo vivo, nos seres humanos, nas plantas e nos animais. É um ingrediente básico da vida. Dado que a ribose está presente em quase todos os alimentos, com cada mordida tomamos uma pequena porção desta substância.

Quando entra em contacto com as células converte-se em ATP (trifosfato de adenosina) fornecendo energia ao corpo. O suministro adicional de ribose é muito útil para os desportistas e atletas que consomem muita energia no treino, porque, embora a quantidade de energia seja baixa, permanece durante bastante tempo.

É um importante fornecedor de energia para o músculo do coração e é especialmente recomendado para aquelas pessoas que têm problemas de coração, sofrem de insuficiência cardíaca ou em recuperação de um ataque cardíaco.

Índice de conteúdos Ocultar

  1. O que faz a ribose no corpo?
  2. Efeitos da ribose
  3. A ribose é especialmente recomendada para:
  4. Quais os alimentos que contêm ribose?
  5. O que produz uma deficiência de ribose?
  6. Ingestão de ribose
  7. A ribose tem efeitos secundários ou interações?
  8. Para quem é importante tomar ribose?
  9. Qual a opinião dos especialistas sobre a ribose?
  10. Ribose e a Energia
  11. Ribose e Coração

O que faz a ribose no corpo?

  • A ribose é um nutriente vital que favorece a saúde do coração
  • A ribose proporciona energia ao músculo do coração, garantindo um funcionamento saudável do mesmo
  • A ribose aumenta o rendimento físico, proporcionando energia.
  • A ribose reduz o stress cardiovascular causado pelo fornecimento insuficiente de energia.

Efeitos da ribose

O corpo humano produz energia nas suas células através dos açúcares que se ingerem na alimentação, especialmente a partir de trifosfato de adenosina, ou ATP, o principal fornecedor de energia do organismo.

Quando as reservas de energia se esgotam, devem ser de novo reabastecidas. Esta renovação é especialmente importante depois de sofrer uma doença, ter estado expostos a situações de stress ou ter realizado um desgaste físico após a prática de desporto ou treino intensivo.

A ribose é um açúcar especial que ajuda o corpo a estimular a produção de energia nas células e a reabastecer as suas reservas. Os suplementos alimentares deste açúcar ajudam, de uma forma completamente natural, a que esta recuperação se realize de forma mais rápida.

Este processo de recuperação de energia é especialmente importante para o músculo do coração que tem de realizar a sua atividade vinte e quatro horas por dia e que é o responsável pelo bom funcionamento das extremidades e do corpo em geral. Se as reservas se esgotam podem produzir-se sintomas de esgotamento e uma sobrecarga cardíaca.

Se utilizamos a ribose para ajudar no rendimento desportivo, esta deve ser fornecida imediatamente antes ou depois do treino. No campo dos desportos de competição pode ser necessário fornecer doses ligeiramente mais elevadas para dar ao corpo a energia que necesita. Depois de tomar ribose o nível de glicose no sangue diminui, pelo que, para pessoas diabéticas, é recomendável tomar ribose em forma suplemento dietético.

A ribose é especialmente recomendada para:

  • Prevenir problemas de coração e do sistema circulatório
  • Quando se aumenta a atividade física ou se realiza um treino intensivo
  • Quando se tem uma sobrecarga de trabalho que requer maior quantidade de energia
  • Para o tratamento da fadiga crónica
  • Para aliviar o stress da vida quotidiana

Quais os alimentos que contêm ribose?

A ribose está contida em todos os alimentos de origem animal ou vegetal, ainda que em quantidades diferentes. Quando necessitamos ter um maior rendimento físico ou em épocas de stress, o fornecimento de ribose através dos alimentos pode ser insuficiente para satisfazer as necessidades do organismo, por isso é muito útil tomar ribose sob a forma de suplemento alimentar.

O que produz uma deficiência de ribose?

Quando há uma falta de ribose, o corpo tem apenas uma quantidade limitada de energia para executar as suas funções. Se esta quantidade de esgota, o organismo demora muito tempo até recuperar-se, já que necessita realizar processos bioquímicos complicados. Ao tomar um suplemento dietético de ribose conseguimos que este processo de reabastecimento de energia se acelere.

Ingestão de ribose

Embora a ribose esteja contida nos alimentos, o corpo por vezes precisa de um fornecimento de energia extra, como é o caso dos desportistas e atletas que realizam um treino intensivo.

Nestes casos, o mais útil é completar o abastecimento de ribose através de suplementos alimentares. Tomar suplementos de ribose também é favorável para as pessoas que sofrem problemas cardíacos.

A ribose tem efeitos secundários ou interações?

Quando os suplementos de ribose se tomam na dose recomendada, não há interacções com outros medicamentos. Uma vez que a substância se transforma no corpo em outros tipos de açúcares, também não se produzem efeitos secundários.

Para quem é importante tomar ribose?

  • Para os desportistas e atletas que treinam com frequência
  • Para as pessoas que sofrem de fadiga crónica
  • Para as pessoas com problemas cardíacos ou do sistema circulatório
  • Para as pessoas que trabalham com bastante stress, uma vez que a ribose pode aumentar o seu desempenho
  • Para todas as pessoas em geral, já que a ribose é um dos principais fornecedores de energia do corpo

Qual a opinião dos especialistas sobre a ribose?

Os especialistas concordam que a ingestão adicional de ribose ajuda o corpo em todas as situações nas que necessita um aumento de energia. Os estudos clínicos têm demonstrado que esta substância vital favorece o funcionamento ótimo do coração e que também ajuda aos pacientes que sofrem de EPOC, deficiência de MAD, síndrome de fadiga crónica ou fibromialgia.


Ribosa e Energia

Ribose e a Energia

A ribose pode melhorar a tua qualidade de vida, aumentando a energia das células do teu corpo. Tanto se és triatleta ou um reformado, a falta de energia é um problema real que pode afetar muito seriamente a tua saúde e a tua vitalidade. A ribose pode ajudar-te a ter uma vida ativa e cheia de energia.

A ribose é uma substância vital que proporciona energia ao corpo num nível básico. É a espinha dorsal dos compostos celulares essenciais, como as purinas e as pirimidinas.


Ribosa e Coração

Ribose e Coração

Para alguns a sua atividade física consiste num treino intensivo para uma maratona, correr dez quilómetros ou fazer um triathlon. Para outros, limita-se a sair para comprar pão ou fazer compras no shopping. Em todos os casos utilizamos sempre os nossos músculos.

Independentemente de se o nosso esforço seja ou não de alta intensidade, o impacto nos nossos corpos não é o mesmo: utilizamos os músculos e necessitamos ter energia para isso.

  A Carregar...