Vitamina D
34 Produtos
  • (2)
    Fornece 1000mg de cálcio, 500mg de magnésio e 10µg de vitamina D por dose diária.
    SG SL V VG OGM
    8,90 €
    Em stock, envio grátis
  • (1)
    Suplemento à base de Vitamina D em forma de colecalciferol.
    SG SL V
    12,90 €
    25,89 €
    -50.16%
      12,99 €
    Em stock, envio grátis
  • Ajuda a cobrir a dose diária recomendada de Cálcio e Vitamina D.
    SG SL V VG OGM
    14,89 €
    Em stock, envio grátis
  • (6)
    Fornece 100µg de vitamina D3 por pérola.
    SG SL S SC CA OGM
    9,90 €
    Em stock, envio grátis
  • (1)
    50 µg de vitamina D3 procedente da lanolina.
    De
    4,90 €
    Em stock, envio grátis
  • (1)
    Vitamina D de máxima assimilação.
    7,90 €
    Em stock, envio grátis
  • CORAL CALCIUM W/VITAMIN D 400mg - 90 caps - Natrol
    Oferta Especial
    (2)
    Cálcio, Magnésio e Vitamina D
    SG
    7,90 €
    10,90 €
    -27.54%
      3,00 €
    Em stock, envio grátis
  • MEGA DAILY FORTE - 90 caps - Scitec Athletic Line
    Quebramos os preços
    Multivitamínico e multimineral. Fornece 276mg de vitamina E e 193mg de cálcio por dose diária.
    12,90 €
    Em stock, envio grátis
  • GOLD OMEGA 3 D3 +  K2 SPORT EDITION - 60 caps - Olimp
    Oferta exclusiva + presentes
    Ácidos gordos Ómega-3 com vitaminas D3 e K2. Edição especial para desportistas.
    16,09 €
    20,90 €
    -23%
      4,81 €
    Em stock, envio grátis
  • COD LIVER OIL - 90 softgels - Amix GreenDay
    Grandes descontos + Presentes*
    Ácidos gordos Ómega 3 com Vitamina A e Vitamina D.
    16,90 €
    Em stock, envio grátis
  • OSEOGEN + CALCIO - 72 caps - Drasanvi
    -22%
    Cálcio, Vitamina D3 e Magnésio especial para mulheres em período da menopausa.
    19,86 €
    25,45 €
    -21.99%
      5,59 €
    Em stock, envio grátis
  • Vitamina A e Vitamina D para a manutenção dos ossos e dentes fortes e para uma boa saúde ocular.
    3,89 €
    Em stock, envio grátis
  • VITAMIN D3 - 60 caps - Quamtrax
    Melhor preço + Presentes*
    Alto conteúdo de Vitamina D3 como colecalciferol.
    7,92 €
    9,90 €
    -20%
      1,98 €
    Em stock, envio grátis
  • VITAMIN D-3 POWDER 113g - Now Foods
    Outlet
    Vitamina D3 como colecalciferol proveniente de lanolina.
    9,26 €
    10,90 €
    -15.03%
      1,64 €
    Em stock, envio grátis
  • 10,49 €
    Em stock, envio grátis
  • 10,89 €
    Em stock, envio grátis
  • (1)
    Imprescindível para a saúde dos ossos.
    SG SL V OGM
    21,90 €
    Em stock, envio grátis
  • 6,02 €
    6,90 €
    -12.75%
      0,88 €
    Em stock, envio grátis
  • Contribui para o normal funcionamento dos ossos e cartilagens.
    23,20 €
    Em stock, envio grátis
  • VITAMIN D3 - 250 caps - Scitec Nutrition
    Quebramos os preços
    Vitamina D3 de elevada assimilação. Promove a saúde óssea.
    6,99 €
    11,99 €
    -41.74%
      5,00 €
    Em stock, envio grátis
  • Por una boa saúde óssea, sistema imunitário, crescimento celular...
    8,50 €
    Em stock, envio grátis
  • 8,91 €
    9,90 €
    -10%
      0,99 €
    Sem stock
  • (4)
    Regula os níveis de cálcio no sangue e o seu depósito nos ossos.
    9,90 €
    Sem stock
  • Favorece a formação e mineralização das estruturas osseas. Mantém um sistema imunitário saudável.
    10,89 €
    Sem stock
  1. «
  2. 1
  3. 2
  4. »

Vitamina D

A vitamina D é um elemento chave para a nossa saúde. Até agora, eram conhecidos os benefícios da vitamina D, especialmente para fortalecer os ossos. No entanto, foi agora descoberto que quase todos os órgãos e tecidos são receptores da vitamina D, sendo esta a única vitamina que tem efeitos a longo prazo sobre os processos metabólicos do intestino, cérebro, coração, pâncreas, pele, linfócitos, etc.

Por conseguinte, a contribuição da vitamina D não é apenas essencial para a manutenção de ossos e dentes fortes, mas também é crucial para prevenir o aparecimento de doenças cardiovasculares, cancro e outras doenças.

Incluindo psoríase, o síndrome pré-menstrual, dor nas costas e dos ossos, a osteoporose, a hipertensão, diabetes de tipo I, doença de Alzheimer, artrite reumatóide, depressão, distúrbios neurológicos e sistema imunológico.

A falta desta vitamina em crianças pode levar ao raquitismo por meio dos sintomas como crescimento deficiente, atraso no desenvolvimento dos dentes, fraqueza, crânio amolecido em lactentes e deformidades ósseas que são irreversíveis.

Na verdade, esta vitamina é tão importante que vários estudos têm demonstrado que a vitamina D parece reunir também funções anti-envelhecimento: as pessoas com altos níveis desta vitamina têm telómeros mais longos que as pessoas com menos quantidade de mesma à mesma idade.

Índice de conteúdos

    1. Que funções tem a vitamina D no organismo?
    2. A vitamina D, o poderoso escudo protetor
    3. A Vitamina D protege contra as constipações
    4. A vitamina D reduz o risco de padecer diabetes
    5. A vitamina D fortalece os ossos
    6. A vitamina D ativa o funcionamento do cérebro
    7. A vitamina D garante músculos mais fortes
    8. A vitamina D protege contra o cancro
    9. Recomendamos tomar suplementos alimentares de vitamina D nos seguintes casos:
    10. Quem tem maior em risco de ter uma deficiência de vitamina D?
    11. Como obter o conteúdo necessário de vitamina D3 para o organismo?
      1. A produção de vitamina D através da luz solar
      2. A absorção durante o verão de vitamina D
    12. A partir de quê se obtèm a vitamina D3 ou a vitamina D2?
    13. Cápsulas de vitamina D, comprimidos de vitamina D, gotas de vitamina D Qual é o melhor suplemento de vitamina D para ti?
    14. Se compras um suplemento dietético de vitamina D, deves saber o seguinte:
    15. A conversão da vitamina D de mcg em IE
    16. A opinião dos especialistas sobre a vitamina D:
    17. Vitamina D e a osteoporose

Que funções tem a vitamina D no organismo?

A vitamina D está envolvido em várias funções e processos metabólicos do organismo, incluindo:

  • A formação dos ossos, dentes e articulações
  • O controlo do fornecimento de cálcio no intestino
  • Manter um sistema imunológico saudável e prevenir infecções
  • A síntese dos antibióticos endógenos
  • Manter os músculos num funcionamento ótimo
  • A divisão celular normal
  • Redução da inflamação no corpo
  • O equilíbrio hormonal
  • Reduzir o stress oxidativo
  • Transmissão ótima do sinal entre as células
  • Serenidade interior e qualidade do sono
  • Melhor adaptação às situações de stress
  • Melhor rendimento mental
  • Maior vitalidade e nível de cuidados

A vitamina D, o poderoso escudo protetor

De acordo com um estudo da Universidade de Oxford, os genes de qualquer parte do corpo precisa de receber a quantidade apropriada de vitamina D para prevenir o aparecimento das doenças. Os nossos genes precisam de vitamina D para funcionar normalmente.

A falta de vitamina D pode causar doenças graves. A razão pelo que a vitamina D é a chave para a nossa saúde é porque faz parte da nossa informação genética.

Os estudos clínicos demonstram que a falta de vitamina D3 está relacionada com muitas doenças graves.

Por esse motivo, a vitamina D é considerada como um escudo de prevenção natural contra:

  • As doenças auto-imunes
  • Constipações
  • Doenças ósseas (incluindo o raquitismo),
  • Osteoporose
  • Dor de ossos e costas
  • Depressão
  • Diabetes
  • As doenças cardiovasculares
  • Hipertensão
  • A inflamação crônica
  • Distúrbios do sistema imunitário
  • Fraqueza muscular
  • Psoríase
  • Doenças articulares
  • Artrite reumatóide
  • Distúrbios neurológicos e Alzheimer
  • PMS
  • Cancro

A Vitamina D protege contra as constipações

Ter baixos níveis de vitamina D aumenta, em mais de 40%, o risco de sofrer constipações nas vias respiratórias. Este dado foi verificado com a avaliação de 19000 pessoas que, em média, tinham vitamina 25 (OH) valor da vitamina D3, de 10 a 29 ng/ml.

A relação foi particularmente evidente em pacientes com asma. No entanto, os investigadores não puderam concluir com precisão sobre o mecanismo concreto desta ação, pelo que não se poderia assegurar de maneira automática que a redução das constipações obedecem ao facto de tomar suplementos de vitamina D.

A vitamina D reduz o risco de padecer diabetes

A vitamina D protege as células beta produtoras de insulina no pâncreas. Também aumenta a sensibilidade à insulina. Com a ajuda da vitamina D o açúcar pode ser transportado muito mais rapidamente do sangue até às células. Pelo que, em geral, se reduz o risco de desenvolver diabetes.

A vitamina D fortalece os ossos

A vitamina D é responsável de assegurar que o cálcio se absorva pelo corpo através do intestino. A vitamina D, juntamente com o cálcio e a vitamina K2, desempenha um papel chave no metabolismo dos ossos, particularmente na formação da nova massa óssea e na construção de uma estrutura de óssea sólida. Por conseguinte, a falta de vitamina D pode aumentar o risco de sofrer osteoporose ou ter fracturas nos ossos.

A vitamina D ativa o funcionamento do cérebro

As pessoas com altos níveis de vitamina D podem concentrar-se melhor, têm um nível mais elevado de atenção e uma maior velocidade no processamento de informações contra os pacientes deficientes em vitamina D. Esta descoberta pelos investigadores da Universidade britânica de Manchester, foi alcançada num estudo europeu realizado sobre 3.000 homens com idades compreendidas entre os 40-79 anos de idade.

A vitamina D garante músculos mais fortes

A falta de vitamina D pode levar à fraqueza muscular ou a um funcionamento reduzido dos músculos. A deficiência de vitamina D provoca também um maior risco de fracturas devido ao aumento do risco de sofrer mais quedas.

Estudos mostram que as pessoas idosas, com baixos níveis de vitamina D, têm um maior risco de sofrer uma queda do que aqueles que têm um nível adequado de vitamina D no sangue. Tomar um suplemento dietético de vitamina D diminui para 22% o risco de sofrer uma fratura óssea devido a uma queda.

A deficiência de vitamina D também tem um efeito negativo sobre a fraqueza dos quadríceps e músculos da coxa, bem como uma diminuição no rendimento muscular, o tempo de resposta e a má postura, tudo devido à fraqueza muscular.

A vitamina D protege contra o cancro

A vitamina D regula uma variedade de funções genéticas que ajudam a reduzir a proliferação celular. De facto, muitos estudos indicam que os níveis elevados de vitamina D no sangue podem reduzir o risco de desenvolver vários tipos de cancro, tais como o cancro colorrectal ou cancro da mama, até 40 ou 50 por cento.

Pensa-se que a vitamina D atua contra a degeneração das células e a formação de tumores. Mesmo tendo pequenas quantidades de vitamina D (400 UI) pode-se reduzir o risco de cancro de mama em até 24 por cento.

Um estudo que incidiu sobre a localização geográfica, encontrou que existe uma correlação entre certos tipos de cancro e a temperatura específica em cada zona, com base na falta de sol ou exposição ao sol das pessoas afectadas.

Recomendamos tomar suplementos alimentares de vitamina D nos seguintes casos:

  • Quando se tem uma deficiência de vitamina D
  • Para manter os níveis normais em sangue de vitamina D: 25 (OH)
  • Para prevenir a osteoporose (perda de massa óssea)
  • Para prevenir a osteoporose em idosos
  • Para aqueles propensos à depressão
  • Para evitar raquitismo nas crianças
  • Para as pessoas com pressão arterial elevada
  • Para a prevenção de alguns tipos de cancro, como o cancro da mama, cancro do rim ou cancro de cólon
  • Para a prevenção e tratamento de doenças das vias respiratórias
  • Para a prevenção de doenças auto-imunes

Quem tem maior em risco de ter uma deficiência de vitamina D?

 A vitamina D não é uma vitamina típica. A maior parte das necessidades de vitamina D (80-90%) que necessita o corpo supõem-se que devem ser entregues através da pele, por absorção da luz solar (UVB). Uma porção muito menor é adquirido através dos alimentos.

Estudos têm demonstrado que de 70 a 90 por cento das pessoas na Alemanha, Áustria e Suíça sofrem de deficiência de vitamina D. As razões para esta falta podem ser múltiplas, entre as causas mais comuns incluem:

  1. Não ter suficiente exposição ao sol nos meses de Inverno: Dependendo da latitude, 42a (altura Roma), em muitas áreas não há bastante sol durante o inverno, pelo que o corpo acaba por ter deficiência de vitamina D.
  2. Não ter exposição solar suficiente durante os meses de Verão: Mesmo uma breve exposição ao sol, 15-20 minutos, três vezes por semana seria o suficiente para ter um nível normal de vitamina D, a maioria das pessoas não seguem este conselho, já seja por falta de tempo, ou meios para o fazer, o que significa que não reabastecem o fornecimento que o corpo precisa de vitamina D durante o verão.
  3. Ficar dentro de casa a maior parte do dia: Há muitas razões que impedem às pessoas tomar sol: obrigações de trabalho, doenças, estar acamados ou ser velho demais para sair à rua.
  4. O use do protetor solar: Um factor de protecção solar ftaor 8 já bloqueia a assimilação da vitamina D através da pele em 95%.
  5. Tomar insuficiente vitamina D na alimentação: Os vegans estão particularmente em risco, já que a vitamina D se encontra principalmente em peixes gordos, leite e ovos.
  6. Idosos, doentes ou acamados: As pessoas mais velhas estão a maior parte do tempo dentro de casa e não absorvem a vitamina D através dos alimentos que normalmente é muito limitada.
  7. A deficiência de vitamina D na obesidade e na sua alimentação: as pessoas com excesso de peso, muitas vezes não costumam tomar sol, e também têm uma alimentação reduzida, de modo que o seu nível de vitamina D diminui.
  8. A ingestão inadequada de vitamina D, devido a medicamentos e doença: Por exemplo, os que têm doença celíaca ou de Crohn, mostram uma redução da vitamina D no intestino.
  9. Pessoas de pele escura: Devido à melamina, a produção de vitamina D na pele reduz-se. As pessoas com pele escura têm um maior risco de deficiência de vitamina D, se não ficarem ao sol o tempo suficiente. Basicamente, isto significa que, quanto mais longe vives do Equador, mais escuro é o tipo de pele. Nestes casos, deve tomar-se a vitamina D como suplemento dietético para ter níveis saudáveis de vitamina D, 25 (OH).

Como obter o conteúdo necessário de vitamina D3 para o organismo?

Existem várias maneiras de obter a vitamina D3:

  1. Por exposição da pele à luz solar durante um período de tempo suficiente.
  2. Tomar um suplemento dietético de vitamina D3.
  3. Alguns alimentos contêm vitamina D3 de forma natural. Mas, geralmente, a quantidade contida nos alimentos é demasiado baixa para satisfazer as necessidades de vitamina D3. As pessoas consomem apenas 80-160 UI (2-4 mcg) de vitamina D através da alimentação.

A produção de vitamina D através da luz solar

O sol é a principal fonte de vitamina D. Mediante a exposição da pele aos raios UVB a partir do sol, forma-se a vitamina D no organismo. Isso produz-se especialmente durante o verão e de forma muito rápida. Normalmente, é necessário a metade do tempo que demora a pele até ficar morena. Durante esta fase, ainda não existe o risco de queimaduras solares.

A quantidade de vitamina D que é formada depende do tipo de pele, local de exposição ao sol, estação, a hora do dia, e a quantidade da superfície da pele exposta ao sol. A idade também desempenha um papel importante, porque quanto mais velho és mais dificuldade tens em produzir vitamina D na pele.

Durante os meses de verão, e com a exposição directa da pele à luz solar, de fato de banho, sem filtro solar e ao meio-dia, o corpo absorve cerca de 10000 UI num período de entre 10 a 20 minutos, dependendo do tipo de pele. Apanhar sol três vezes por semana é geralmente suficiente para produzir quantidades ideais de vitamina D que o corpo necessita.

Mesmo que se exceda o tempo de exposição ao sol, não se gera nenhum excesso de vitamina D, uma vez que a produção de vitamina D na pele para automaticamente com a formação de melanina.

As pessoas com pele escura devem permanecer mais tempo expostas ao sol para produzir a mesma quantidade de vitamina D do que as pessoas de pele clara.

É importante saber que a produção de vitamina D através do sol não ocorre quando um filtro solar é aplicado. Um fator de proteção solar 8 bloqueia um 95% a produção de vitamina D, que formam os raios UVB. Portanto, se queres adquirir vitamina D, aplica protetor solar depois de 10-20 minutos de exposição ao sol.

As pessoas que querem renunciar completamente ao protetor solar devem permanecer expostas ao sol apenas enquanto a pele não fica vermelha. Uma vez que a pele começa a bronzear-se, o tempo de exposição ao sol sem protetor solar pode ser estendido, porque a melanina da pele age como um protetor solar natural.

A norte do paralelo 42 (norte de Roma) o sol não é o suficiente forte durante os meses de inverno para permitir a passem os raios UVB, necessários para a formação de vitamina D. Uma caminhada no inverno muitas vezes só expõe o rosto e as mãos ao sol e isto não é suficiente para formar as quantidades adequadas de vitamina D. Os altos níveis de cálcio no sangue reduzem a formação de vitamina D.

A absorção durante o verão de vitamina D

É reduzido para metade, ao longo de 2 meses, se não se repõe a formação de vitamina D através da luz solar ou os alimentos. Uma vez que o consumo de vitamina D nos alimentos não é suficiente para atender a necessidade de vitamina Ddo corpo, é necessário tomar suplementos dietéticos de vitamina D

A partir de quê se obtèm a vitamina D3 ou a vitamina D2?

A vitamina D apresenta-se em duas formas diferentes:

  • Como vitamina D3 (colecalciferol)
  • Como a vitamina D2 (ergocalciferol)

A vitamina D3

É considerada a forma ativa, por isso está incluído na maioria dos suplementos alimentares do mercado.

A vitamina D3 é geralmente obtida a partir da lanolina (gordura da lã de ovelhas). Mas também está contida no óleo de fígado de bacalhau. Neste caso, deve estar indicada no rótulo.

Se a etiqueta da vitamina D3 figura colecalciferol, geralmente procede da lanolina. É considerada vegetariana, no sentido de que não se causa qualquer dano ao animal, apenas se tosquia.

Recentemente, conseguiram obter vitamina D3 vegetariana a partir do extrato de líquen.

Esta vitamina D à base de ervas é tão valiosa quanto a vitamina D3 e cada vez é mais popular. Acima de tudo, é muito apreciada pelos vegans, que agora têm uma alternativa para a vitamina D2.

A vitamina D3 representa a forma mais elevada de vitamina D. Estudos têm mostrado que é 1,7 vezes mais eficaz do que a vitamina D2 para aumentar os níveis de vitamina D, 25 (OH) no corpo.

A vitamina D2

Está contida principalmente nos fungos. Existe em forma de ergosterol, como função da próvitamina D. A vitamina D2 (ergocalciferol) é produzida na pele sob a influência dos raios ultravioletas.

Cápsulas de vitamina D, comprimidos de vitamina D, gotas de vitamina D Qual é o melhor suplemento de vitamina D para ti?

Se quiseres comprar um suplemento de vitamina D, podes encontrá-lo em diferentes formatos: comprimidos, cápsulas ou gotas.

Aqui está um resumo dos suplementos de vitamina D disponíveis no mercado:

Cápsulas de vitamina D

As cápsulas de vitamina D são preenchidas com pó solto e não pode ser compactado a alta pressão, como acontece com os comprimidos. As cápsulas de vitamina D dissolvem-se em poucos minutos no estômago completamente e, por conseguinte, asseguram uma rápida absorção da vitamina D.

Certifica-te de comprar cápsulas de vitamina D3, que não contenham corantes ou outros aditivos, tais como a lactose.

Ainda que as cápsulas são muito pequenas, às vezes há pessoas que não as conseguem engolir. Neste caso, poder abrir o conteúdo e dissolver diretamente na água. O pó tem um sabor neutro.

Comprimidos de vitamina D

Os comprimidos de vitamina D também são uma forma de dosagem muito comum. No entanto, eles têm a desvantagem de que, muitas vezes, contêm outros ingredientes não desejados, tais como estearato de magnésio, dióxido de silício, sacarose, talco, etc.

Gotas de vitamina D

As gotas de vitamina D geralmente contêm apenas óleo de vitamina D, um óleo de base, tal como o azeite, óleo de cânhamo, óleo de cártamo ou óleo de girassol e a vitamina E como antioxidante. Às vezes, acrescenta-se um aroma a fruta para dar-lhe sabor. No entanto, isso não é necessário porque o óleo de vitamina D tem um sabor gordo, mas completamente neutro.

As gotas de vitamina D são úteis porque podes facilmente aumentar a dose se necessário. As gotas de vitamina D estão disponíveis em doses de 200 UI e 5000 UI por gota.

Cápsulas moles ou pérolas de vitamina D

As cápsulas moles de vitamina D estão cheias de óleo de vitamina D e são relativamente fáceis de engolir. O mesmo que acontece com as gotas de vitamina D, geralmente não contêm aditivos. No entanto, o invólucro da cápsula costuma ser, geralmente de gelatina, de modo que este suplemento de vitamina D não pode ser utilizado por vegetarianos ou vegans.

A vitamina D em sticks

Os sticks de vitamina D são muito prático porque se podem tomar em qualquer lugar. Também podem levar diferentes sabores, pelo que são os favoritos das crianças. Por outro lado, há que ler o rótulo para ver se levam aditivos indesejados.

Os sticks de vitamina D são mais caros do que outras formatos de vitamina D devido às porções por embalagem.

As preparações combinadas de vitamina D e vitamina K2

Aqueles que tomam vitamina D regularmente como suplemento dietético, devem sempre combiná-lo com a vitamina K2. Só desta forma se pode assegurar que o cálcio absorvido pela vitamina D3 é armazenado nos ossos e não depositado nas artérias, onde poderia causar aterosclerose.

Portanto, o ideal é optar por um produto que combine a vitamina D e a vitamina K2. Ao escolher um produto deste tipo é necessário garantir que a vitamina D contida seja natural e procedente de lanolina ou líquen, bem como que a vitamina K2 também seja natural, como o MK-7.

Se compras um suplemento dietético de vitamina D, deves saber o seguinte:

  • O formato de vitamina D: Deves sabes se preferes a vitamina D3, de lanolina ou a vitamina D3 vegan, de líquen.
  • A dose da vitamina D: Deve adaptar-se às tuas necessidades atuais e permitir una dosagem flexible. Queres tomar 2.000 UI diária, ou duas cápsulas de 1000 UI?
  • Composição: O produto deve conter os menores aditivos possíveis.
  • Combinação com a vitamina K2: O ideal é combinar a vitamina D com um produto que contenha vitamina K2, como MK-7. Se não encontras o produto conjunto, deves combiná-los separadamente.

A conversão da vitamina D de mcg em IE

A taxa de conversão é de 1:40. De acordo com ele 1 mcg (microgramas) de vitamina D3 corresponde a 40 UI (unidades internacionais) ou IU.

Aqui estão alguns exemplos:

  • 5 mcg de vitamina D é equivalente a 200 UI
  • 25 mcg equivalente a 1000 UI
  • 125 mcg equivalente a 5000 UI
  • 250 mcg equivalente a 10.000 UI

A opinião dos especialistas sobre a vitamina D:

Os especialistas das universidades de Carolina e Califórnia têm a certeza de que os pacientes que consomem regularmente vitamina D são menos propensos a desenvolver cancro. Também destacaram os efeitos benéficos da vitamina D sobre os músculos e os ossos.


Vitamina D e a osteoporose

Sabias que, apesar de tomar bastante cálcio para a osteoporose e a osteomalacia corres o risco de sofrer estas doenças? O motivo é uma deficiência de vitamina D, uma vez que esta vitamina é a responsável de realizar a absorção do cálcio e fósforo no intestino para incorporá-los nos ossos.

Ler mais

Subscreve o newsletter e consegue um 15% Desconto na tua primeira compra
x